Compartilhe este texto

Brasileiro perde vaga na ginástica artística para Paris 2024

Por Portal Do Holanda

22/04/2024 9h16 — em
Esportes


Foto: Reprodução/ Instagram

Na etapa de Doha da Copa do Mundo, o ginasta brasileiro Arthur Nory ficou com a medalha de bronze na barra fixa, com 14 633, não conseguiu vaga para a Olimpíada de Paris 2024. Caio Souza também foi medalhista de bronze nas paralelas com 14.566.

Nory tinha chance de garantir vaga em Paris 2024. O evento de Doha, realizado no sábado (20), foi a última etapa num conjunto de quatro válidas para a formação do ranking olímpico. As demais foram Cairo, Cottbus e Baku. Os dois melhores ginastas de cada aparelho, considerando um descarte, conquistaram as vagas olímpicas.

Nory ocupava a terceira colocação na barra fixa, com 45 pontos. O taiwanês Tang Chia-Hung já havia assegurado uma das vagas. Robert Tvorogal, da Lituânia, acumulava 75 pontos.

O brasileiro, campeão mundial no aparelho em 2019 e medalhista de bronze no solo nos Jogos do Rio 2016, teria que vencer a etapa de Doha e torcer para que Tvorogal somasse poucos pontos. O lituano, porém, terminou na segunda posição, com 14.700. O campeão foi Tang, com 15.133.

Descuido

No início de sua apresentação, Nory sofreu uma queda após seu protetor de pulso se romper. O brasileiro pôde reiniciar a série. Caio Souza, outro atleta do Brasil na final da barra fixa, foi sexto com 14.366. Com os resultados deste sábado, a ginástica artística masculina do Brasil terá duas vagas nos Jogos Olímpicos de Paris 2024.

O Brasil terá Diogo Soares e mais uma vaga individual, ambas foram obtidas pelo desempenho do país no Mundial de 2023.


Siga-nos no
O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

ASSUNTOS: Esportes

+ Esportes