Compartilhe este texto

Conheça livros para entender o Plano Real, que completa 30 anos

Por Folha de São Paulo

14/06/2024 12h00 — em
Economia



SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O real começou a circular no Brasil em julho de 1994, no governo Itamar Franco, resultado de um plano de estabilização econômica que visava superar a hiperinflação.

Diante o aniversário de 30 anos da moeda, a reportagem selecionou livros que explicam a estratégia econômica que mudou o Brasil. Veja abaixo:

*

'HISTÓRIA DO PLANO REAL' (2000)

Luiz Filgueiras. Editora: Boitempo; R$ 58 (232 págs.)

O professor Luiz Filgueiras discute os destinos do Brasil ao analisar o Plano Real como um produto econômico, político e ideológico. Ele examina o capitalismo ao longo das últimas décadas do século 20 e conceitos como as políticas liberais e a reafirmação de um sistema de produção mundializado.

'A REAL HISTÓRIA DO PLANO REAL: UMA MOEDA CUNHADA NO CONSENSO DEMOCRÁTICO' (2005)

Autora: Maria Clara R. M. do Prado. Editora: E-Galáxia; R$ 29,90 (ebook); 620 págs.

A narrativa de Prado engloba as minúcias do processo de criação do real, incluindo as discussões entre os economistas responsáveis pelo plano. O livro cobre o período de 1992, quando Itamar Franco foi empossado presidente após o impeachment de Collor, até 1999, quando uma maxidesvalorização ameaçou o real.

'SAGA BRASILEIRA: A LUTA DE UM POVO POR SUA MOEDA' (2011)

Autora: Míriam Leitão. Editora: Record; R$ 84,90 (476 págs.), R$ 57,90 (ebook)

Esta obra rendeu a Leitão o prêmio Jabuti de 2012. "Saga Brasileira" analisa o cenário de inflação acumulada ao longo dos 15 anos que precederam o Plano Real. A jornalista mostra como a luta pela estabilidade econômica e monetária foi fundamental no processo de construção de um caráter nacional.

'DIÁRIOS DA PRESIDÊNCIA 1995-1996 (VOLUME 1)' (2015)

Autor: Fernando Henrique Cardoso. Editora: Companhia das Letras; R$ 129,90 (936 págs.), R$ 44,90 (ebook)

Os registros do ex-presidente tucano permitem vislumbrar os bastidores do trabalho na posição mais alta do Executivo. Os relatos do primeiro volume do diário de FHC começam ainda em dezembro de 1994, antes da posse, e acompanham o início de seu exercício do cargo, no cenário imediatamente após a implantação do Plano Real. FHC foi ministro da Fazenda durante o governo Itamar Franco e liderou a equipe que reorganizou a economia.

'DE BELÍNDIA AO REAL: ENSAIOS EM HOMENAGEM A EDMAR BACHA' (2018)

Vários autores. Editora: Civilização Brasileira; R$ 84,90 (518 págs.), R$ 64,90 (ebook)

A obra reúne 21 ensaios sobre o pensamento de Edmar Bacha, um dos economistas responsáveis pela concepção do real. O título é uma referência a um artigo de Bacha publicado em 1974, em que ele ilustrou a disparidade da distribuição de renda no Brasil aproximando uma Bélgica luxuosa a uma Índia miserável. Os textos que compõem a coletânea foram escritos por economistas prestigiados como Gustavo Franco, Affonso Celso Pastore, Fernando Henrique Cardoso e o próprio Bacha.

'A MOEDA E A LEI: UMA HISTÓRIA MONETÁRIA BRASILEIRA, 1933-2013' (2018)

Autor: Gustavo Franco. Editora: Zahar; R$ 179,90 (848 págs.)

O livro do ex-presidente do Banco Central (1997-1999) é um estudo das instituições monetárias brasileiras ao longo de 80 anos. Seu texto vai além do objeto moeda e foca no impulso conceitual do dinheiro. Para o autor, estamos há décadas prestes a alcançar a fórmula ideal para a moeda, mas nunca a alcançamos.

'NO PAÍS DOS CONTRASTES: MEMÓRIAS DA INFÂNCIA AO PLANO REAL' (2021)

Autor: Edmar Bacha. Editora: História Real; R$ 69,90 (240 págs.), R$ 34,90 (ebook)

Neste livro, Bacha revisita seus anos de formação e sua carreira, que teve como marco a reconstrução da economia brasileira através do real. Sua narrativa promove um olhar exclusivo da criação dos Planos Cruzado e Real, desde a frustração do primeiro até o sucesso do segundo.

'CAMINHOS E DESCAMINHOS DA ESTABILIZAÇÃO: UMA ANÁLISE DO CONFLITO FISCAL-MONETÁRIO NO BRASIL' (2024)

Autor: Affonso Celso Pastore. Editora: Portfolio Penguin; R$ 99,90 (240 págs.), R$ 44,90 (ebook)

Pastore, um dos mais respeitados economistas brasileiros, analisa a crise fiscal que teve início durante a segunda fase do Plano Real, em 1999. Este conflito se deu em meio a consolidação do tripé macroeconômico, que engloba as três variáveis que regem a política econômica do Brasil: inflação, taxa de câmbio e equilíbrio das contas públicas.

'MEMÓRIAS'

Autor: Rubens Ricupero. Editora: Unesp; R$ 144 (712 págs.)

A biografia do ministro da Fazenda do governo Itamar Franco revela bastidores do Plano Real. Ricupero, um dos principais personagens do evento, narra os embates que cercaram o lançamento da moeda. Além disso, o autor narra acontecimentos do mundo em paralelo com suas vivências, desde a Segunda Guerra até o terceiro governo Lula.

'CONVERSAS COM ECONOMISTAS BRASILEIROS'

Organizadores: Ciro Biderman, Luis Felipe L. Cozac, José Marcio Rego. Editora: 34; R$ 119 (528 págs.)

Este livro é uma coletânea de entrevistas e depoimentos de economistas brasileiros (dentre eles ex-ministros de Estado e ex-presidentes e diretores do Banco Central) que compartilham suas memórias e posicionamentos, permitindo ao leitor conhecer a realidade desta profissão no Brasil. A nova versão do livro, publicada em 2024, foi revista e ampliada em comemoração aos 30 anos do Plano Real.

'30 ANOS DO REAL'

Autores: Gustavo Franco, Pedro Malan e Edmar Bacha. Editora: História Real; R$ 69,90 (224 págs.), R$ 34,90 (ebook)

Os três economistas refletem, na efeméride atual, sobre os 30 anos de circulação da moeda que mudou o Brasil. Os relatos que compõem o livro foram escritos no calor dos acontecimentos que envolveram o real ao longo das últimas décadas. A obra termina com projeções e expectativas dos autores para os próximos 30 anos.


Siga-nos no
O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

ASSUNTOS: Economia

+ Economia