Compartilhe este texto

Agro, alimentícias e petroleiras lideram crédito de PIS/Cofins

Por Folha de São Paulo

14/06/2024 15h00 — em
Economia



SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Empresas do agronegócio, alimentícias e petroleiras são as que possuem valores mais relevantes de créditos acumulados provenientes do PIS/Cofins, de acordo com relatório da XP Investimentos, feito para avaliar o impacto da medida provisória 1.227, que teve alguns dispositivos devolvidos e procurava compensar perdas da Fazenda com a desoneração da folha.

O relatório mostra que 14 empresas listadas na Bolsa de Valor possuem R$ 63 bilhões em créditos de PIS/Cofins.

Empresas como Raízen, Marfrig e BRF se somam às petroleiras Vibra e Ultrapar na lista das que seriam afetadas no setor privado caso a medida estivesse valendo.

A parte devolvida da MP trazia duas medidas: restrição ao ressarcimento de créditos presumidos de PIS/Cofins (espécie de benefício fiscal) e proibição de compensação de créditos dessas contribuições com outros tributos devidos.

Segundo relatório do Itaú BBA, empresas como Vibra e Ultrapar estavam entre as que poderiam ser mais afetadas pela MP já devolvida, porque acumularam créditos fiscais de PIS/Cofins com a lei complementar 192/2022 em uma série de medidas para reduzir a carga tributária sobre combustíveis.

VEJA LISTA COM AS EMPRESAS COM MAIORES EXPOSIÇÕES:

Casa Bahia - R$ 2,8 bilhões de PIS/Cofins a recuperar; 468,4% do valor de mercado

Pão de Açucar - R$ 2,2 bilhôes de PIS/Cofins a recuperar; 150,2% do valor de mercado

Allied - R$ 250 milhões PIS/Cofins a recuperar; 37,1% do valor de mercado

Raízen - R$ 8,3 bi de PIS/Cofins a recuperar; 29,6% do valor de mercado

C&A Modas Varejo - R$ 627 milhões de PIS/Cofins a recuperar; 22,4% do valor de mercado

Iochpe-Maxion - R$ 364,6 milhões de PIS/Cofins a recuperar; 22,1% do valor de mercado

Pague Menos Varejo - R$ 252,7 milhões de PIS/Cofins a recuperar ; 18,7% do valor de mercado

Marfrig - R$ 1,8 bilhões de PIS/Cofins a recuperar; 17,8% do valor de mercado

Magazine Luiza Varejo - R$ 1,5 bilhão de PIS/Cofins a recuperar ; 17,7% do valor de mercado

Guararapes Varejo - R$ 581,5 milhões de PIS/Cofins a recuperar ; 15,7% do valor de mercado

Movida - R$ 342,2 milhões de PIS/Cofins a recuperar; 14,8% do valor de mercado

Randoncorp - R$ 408,5 milhões de PIS/Cofins a recuperar; 14,1% do valor de mercado

Vibra Energia - R$ 3,1 bilhões de PIS/Cofins a recuperar; 13,1% do valor de mercado

Unipar - R$ 594,9 milhões de PIS/Cofins a recuperar; 10,7% do valor de mercado

Ultrapar - R$ 2,4 bilhões de PIS/Cofins a recuperar; 9,7% do valor de mercado

Fonte: XP.


Siga-nos no
O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

ASSUNTOS: Economia

+ Economia