Pazuello diz que vacinação pode começar dia 20 de janeiro no Amazonas

Por Portal do Holanda

06/01/2021 14h21 — em Coronavírus

Lima participou de reunião em Brasília nesta quarta-feira (6). Foto: Reprodução/Redes Sociais

O governador do Amazonas Wilson Lima (PSC) reuniu-se hoje com representantes do Ministério da Saúde para solicitar respiradores e médicos ao sistema de saúde do estado, que enfrenta novo colapso com aumento de casos de Covid-19.

Hoje, há mais pacientes internados em Manaus do que no pico da pandemia, registrado entre os meses de abril de maio do ano passado. O Ministério da Saúde vai enviar 78 respiradores e monitores ao Amazonas nas próximas horas.

Outro obstáculo refere-se à falta de recursos humanos na área, como médicos e enfermeiros intensivistas para habilitação de leitos. "Estamos aproveitando o banco de dados do programa Brasil Conta Comigo para que o estado possa recrutas esses profissionais", informou Lima durante entrevista ao canal de TV CNN Brasil.

"O problema é que Começamos a entrar no período chuvoso, quando há aumento significativo de síndromes respiratórias como H1N1 e outros problemas. Por isso a necessidade de ampliação da rede de atendimento", disse o governador.

Lima pediu ao ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, um plano diferenciado de vacinação para o Amazonas, tendo em vista a dificuldade de acesso e a distância entre alguns municípios do estado.

"Temos dificuldades logísticas para fazer com que as vacinas cheguem aos grupos prioritários, como indígenas", exemplificou Lima.

Em resposta, Pazuello informou que "se as questões burocráticas forem resolvidas sem nenhum tipo de entrave, até o dia 20 de janeiro as vacinas começarão a ser distribuídas em todo o país".

O ministro deve chegar à capital na próxima segunda-feira (11) para planejar a logística de vacinação no Amazonas.


O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

+ Coronavírus