Maior hospital privado de Porto Alegre aluga contêiner para colocar mortos

Por Portal do Holanda

02/03/2021 15h45 — em Brasil

Sede do do Hospital Moinhos de Vento em Porto Alegre — Foto: HMV/Divulgação

O superintendente médico do Hospital Moinhos de Vento, o maior da rede privada de Porto Alegre, afirmou na manhã desta terça-feira (2), que a unidade vive um cenário de guerra no combate à pandemia.

Segundo um site de notícias do Globo, o hospital é o que registra maior ocupação de leitos de UTI na Capital do RS, nesta manhã , com 119,7% de lotação, conforme levantamento da Secretaria Municipal da Saúde. Até às 07h47, eram 79 pacientes em 66 vagas. Em toda a cidade, segundo a Secretaria Estadual da Saúde, a ocupação era de 100,4% às 9h.

Do total de internados no Moinhos, são 72 pessoas com Covid-19 e um com suspeita da doença. A fila de espera registra quatro pacientes, sendo três com coronavírus.

O bloco cirúrgico do hospital foi fechado e as salas de recuperação foram transformadas em UTIs.

O Rio Grande do Sul teve um incremento de 65% no total de leitos de UTI em relação a abril de 2020, início da pandemia, já o total de pacientes hospitalizados aumentou 183% no mesmo período. O crescimento do número de pessoas que precisam de um leito é, portanto, quase o triplo da expansão do sistema de saúde.

O estado totalizou, na segunda (1), 12.470 mortes por coronavírus e 643.672 casos positivos da doença.


O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

+ Brasil