Fiocruz negocia compra de mais 15 milhões de doses da vacina da Índia

Por Portal do Holanda

24/01/2021 11h08 — em Brasil

Nísia Trindade explica negociação - Foto: Tomaz Silva/Agência Brasil

Manaus/AM - A Fiocruz anunciou que está negociando com a AstraZeneca, um novo lote com 15 milhões de doses de vacina da Índia. Segundo a presidente da instituição, Nísia Trindade, a compra está prevista em contrato, mas também há a possibilidade da farmacêutica antecipar o envio de outros lotes, isto porém, ainda está sendo conversado:

 “Um aceno de que possa antecipar, não agora nesse momento, mas tão logo esse processo da exportação se resolva, antecipar a vinda de meses seguintes”, disse Nísia.

Trindade explica que a previsão é que o Brasil receba no total 110 milhões de 400 mil doses da vacina de Oxford e que os lotes devem chegar aos poucos. Contudo, a prioridade nesse  momento é a de resolver o envio de insumos que serão usados na produção da vacina no Brasil. 

A exportação travou por conta de questões diplomáticas na China, de onde partirá o  Ingrediente Farmacêutico Ativo (IFA). O material deveria chegar ao Brasil este mês, mas por conta das etapas na China, só devem ser enviadas em fevereiro com data prevista de chegada no dia 8 de fevereiro. Para não deixar o país desabastecido, a Fiocruz diz que tem um plano B e detalha:

“Se ele [IFA] atrasar um pouquinho estamos discutindo a possibilidade de acelerar mais para frente a chegada dos lotes, para ver se a gente consegue antecipar um pouco, porque certamente teremos mais capacidade de produção do que esse cronograma de lotes. Se a gente puder receber mais IFA a gente vai poder produzir mais e entregar mais rápido ", diz  o diretor de BioManguinhos, Maurício Zuma.


O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

+ Brasil