Compartilhe este texto

Evandro Guedes será investigado após ensinar em aula como estuprar cadáver de mulher

Por Portal Do Holanda

06/12/2023 16h08 — em
Brasil


Foto: Reprodução

O ex-PM e professor Evandro Bitencourt Guedes será investigado após ensinar em uma aula de cursinho, como estuprar o cadáver de uma mulher. 

Segundo o Ministério Público do Paraná (MP-AM), a fala do ex-PM será investigada em inquérito policial. “O caderno investigatório tem por objetivo apurar as notícias veiculadas na imprensa nacional e em rede social, notadamente sobre as condutas de professores da instituição em cujas falas, feitas durante aulas ministradas pela instituição, há manifesta violação de direitos, preconceito, reiterado discurso de ódio e incitação à prática de crimes”, diz o órgão. 

Relembre - Viralizou, na segunda-feira (5), um vídeo em que Evandro Guedes, fundador da escola preparatória para concursos públicos AlfaCon, ensina em uma aula sobre como estuprar mulheres mortas. 

"[...] ela [mulher] infartou de tanto tomar 'bomba' na porta do necrotério. Duas da manhã, não tem ninguém, quentinha ainda. O que você vai fazer? Vai deixar esfriar? Meu irmão, eu assumo o fumo de responder pelo crime", diz Guedes. 

A violação sexual de um cadáver configura crime conhecido como vilipêndio a cadáver, que está previsto no artigo 212 do Código Penal Brasileiro. A pena pode chegar a 3 anos de detenção, além de multa.  

Vilipendiar significa menosprezar, ultrajar, tratar com desprezo e sem o devido respeito o cadáver ou suas cinzas. Ou seja, o crime ocorre de diferentes formas, não apenas sexuais.


Siga-nos no
O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

ASSUNTOS: Brasil

+ Brasil