Bolsonaro tira aliada Carla Zambelli da vice-liderança do Governo na Câmara

Por Portal do Holanda

30/09/2020 10h15 — em Brasil

Bolsonaro e Zambelli-Foto: Marcos Correa/PR

A deputada Carla Zambelli, uma das aliadas mais fortes de Bolsonaro, foi retirada do cargo de vice-líder do Governo na Câmara dos Deputados. A decisão foi do próprio presidente que resolveu fazer uma “limpeza geral” na lista atual.

Carla ganhou notoriedade após o episódio da saída de Sérgio Moro do Ministério da Justiça. O  ex-ministro divulgou prints de conversas com ela mostrando que a deputada teria tentado barganhar a permanência dele no cargo em troca de uma futura vaga no Supremo Tribunal Federal.

Meses depois ela teria antecipado a informação de operações da Polícia Federal durante entrevista à uma emissora de rádio.

Além de Zambelli, vários outros deputados foram retirados da função. No Diário Oficial da  União, desta quarta-feira (30), os novos escolhidos foram anunciados assim como os nomes de quem deixa a vice-liderança:

Quem entra: Alberto Barros Cavalcante Neto (Republicanos-AM), Luiz Augusto Carvalho Ribeiro Filho (Solidariedade-SE).Luiz Eduardo Carneiro da Silva de Souza Lima (PSL-RJ),  Lucio Antonio Mosquini (MDB-RO), Giovani Cherini (PL-RS),  Greyce de Queiroz Elias (Avante-MG), , Antonio da Cruz Filgueira Neto (Patriota-MA), Joaquim Passarinho Pinto de Souza Porto (PSD-PA),, Hilkea Carla de Souza Medeiros Lima (PROS-RN), Paulo Velloso Dantas Azi (DEM-BA).

Quem sai:  Aline Sleutjes (PSL-PR), Carla Zambelli Salgado (PSL-SP), Carlos Roberto Coelho de Mattos Júnior (PSL-RJ), Eros Ferreira Biondini (PROS-MG), Caroline Rodrigues de Toni (PSL-SC), Luiz Armando Schroeder Reis (PSL-SC), Diego Alexsander Goncalo Paula Garcia (Podemos-PR).