Prefeitura cadastra e renova auxílio do Bolsa Atleta Municipal

Por

10/06/2014 17h32 — em Amazonas

Na manhã de segunda-feira,  atletas beneficiados pelo programa Bolsa Atleta Municipal compareceram à Secretaria  Municipal de Juventude, Esporte e Lazer, no Centro, para  realizarem o cadastro  e renovação do benefício, no valor de R$ 4 mil, que tem  duração de um ano. Aqueles classificados para as Olimpíadas, Paraolimpíadas, jogos Pan-Americanos e Parapan-Americanos terão acréscimo de R$ 1 mil, recebendo R$ 5 mil, cada.

Para os contemplados, o programa é de fundamental importância. “O Bolsa Atleta nos ajuda muito, pois viajamos bastante e acabamos tendo muitos gastos com hospedagem, alimentação, materiais para treino, clínicas e tratamentos”, declarou a nadadora Vitória Santa Rita, de 16 anos.

Segundo o secretário da Semjel, Elvys Damasceno, o desejo maior é que os atletas consigam, um dia, chegar até às Olimpíadas. “O atleta precisa ser de modalidade olímpica, convocado para a Seleção Brasileira e ter disputado um campeonato internacional um ano anterior pela Seleção Brasileira. A intenção é pegar os melhores para que eles tenham esse auxílio mensal, possam se alimentar bem, treinar bem, pagar um bom treinador, para que cheguem um dia às Olimpíadas, que é o sonho de todo atleta”, enfatizou.

Segundo levantamento realizado pela Semjel, 22 atletas já recebiam o auxílio em 2013 e a partir do novo decreto, assinado no dia 19 de maio deste ano, 34 novos foram contemplados. Dos 56 atletas atendidos pela iniciativa, oito são paraolímpicos e 48 olímpicos. Dentre as modalidades abrangidas estão: Luta Livre, Judô, Tênis de Mesa, Natação, Boxe, Tiro com Arco, Atletismo, Handebol, Hipismo, Triathlon, Voleibol e Halterofilismo.

“O bolsa atleta tem uma importância muito grande na minha vida, porque antes eu não recebia nada. Praticava por amor mesmo. Muitas vezes não tinha dinheiro para comprar os suplementos ou fazer intercâmbio e, agora, estou voltando de uma viagem dos Estados Unidos. Tudo foi pago com o dinheiro da bolsa, tanto a estadia, quanto a alimentação. Com certeza isso contribui de muitas formas para mim”, afirma Rodrigo Falabella, 19, atleta de luta olímpica, que há um ano recebe o benefício.

Programa

Instituído pelo Decreto nº 1.507 de março de 2012, que regulamentou a Lei nº 1.595 de 5 de outubro de 2011, a exemplo do benefício concedido pelo Governo Federal, o Bolsa Atleta Municipal é um mecanismo encontrado pela administração do município para incentivar as práticas desportivas na cidade e é concedido por meio da Semjel.o tratamento, reduzindo o número de casos e, também, os índices de letalidade da doença”, frisou o diretor de Ensino e Pesquisa.