Metalúrgica flagrada desviando energia elétrica em Manaus

Por

05/06/2014 21h16 — em Amazonas

Uma metalúrgica foi identificada furtando energia elétrica por meio de uma subestação clandestina de 112,5 KVA, localizada na avenida Buriti, no Distrito Industrial de Manaus. A ação aconteceu na manhã desta quinta-feira (5) e foi coordenada pela polícia civil (25º Distrito Integrado de Polícia - DIP) em parceria com o Instituto de Criminalística (Incrim) e Eletrobras Amazonas Energia.
 
O crime de furto de energia foi caracterizado pela perícia do Incrim e pelas equipes de inspeção da Distribuidora, após identificaram que a unidade consumidora deveria estar sendo atendida em baixa tensão, porém, era suprida, irregularmente, por um transformador clandestino, ligado à rede de média tensão (13.800 volts).
 
De acordo com análise preliminar da concessionária, o volume desviado de energia elétrica foi da ordem de 105.000 kWh, o equivalente a um prejuízo estimado de R$ 39 mil, valor suficiente para atender uma comunidade com cerca de 350 residências pelo período de um mês.
 
Após ser abordado pelo delegado Adriano Félix Claudino da Silva, um dos sócios da indústria metalúrgica disse reconhecer que a unidade encontrava-se irregular perante a Distribuidora de energia elétrica. Ele tentou justificar a situação informando que possuía grandes equipamentos na metalúrgica e que a rede de baixa tensão não seria suficiente para atender à demanda da empresa.
 
Depois de prestarem esclarecimentos e de ter comprovado que não pagavam corretamente o consumo de energia, o diretor comercial da metalúrgica solicitou orientação da Eletrobras Amazonas Energia para regularizar a situação. Ele foi intimado a prestar esclarecimentos no 25º DIP.
 
Após realização de todos os procedimentos de perícia, a metalúrgica teve o fornecimento de energia suspenso.
 
A Eletrobras Amazonas Energia informa que irregularidades dessa natureza demonstram o quanto são “agressivas” as intervenções nas suas redes de distribuição, fato que compromete muito a qualidade do fornecimento de energia, além de por em risco a segurança dos usuários desse tipo de instalação elétrica, onde ocorre o furto de energia e a confiabilidade do seu sistema elétrico.

+ Amazonas