Ilícitos: Presidente da CPI da Saúde diz que 'agiram de forma criminosa'

Por Portal do Holanda

17/09/2020 16h45 — em Amazonas

Foto: Reprodução

Manaus/AM - “Agiram de forma criminosa”. A afirmação é do presidente da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Saúde, deputado Delegado Péricles, ao falar, na tarde desta quinta-feira (17) sobre todos os atos ilícitos descobertos pela Comissão nos bastidores da saúde pública do Amazonas.

De acordo com Péricles, o alto custo da má gestão do erário público tem sido pago com vidas há décadas no estado e muitos atos ilícitos só foram revistos ou cancelados em razão dos trabalhos da CPl da Saúde. 

“E precisamos continuar com toda fiscalização que tem sido feita de forma técnica e isenta. Seja no âmbito da CPI, ou no parlamento. Hoje, a CPI já trabalha no relatório que encaminhará aos órgãos de controle e polícias com autonomia para punir os culpados, mas esperamos contar com a continuidade dos nossos trabalhos por mais 60 dias sim. Muito ainda precisa ser esclarecido, investigado”, afirmou Péricles que é autor de requerimento que pede a prorrogação da Comissão. 

A CPI chega a seu 108º dia com pedido de prorrogação protocolizado junto à Assembleia Legislativa do Amazonas.

+ Amazonas