Eventos vão anteceder última reunião do CAS de 2020 em Manaus

Por Portal do Holanda

30/11/2020 10h51 — em Amazonas

A análise de projetos industriais e de serviços acontece no dia 3 - Foto: Divulgação/Suframa

Manaus/AM - Na primeira semana de dezembro, a Superintendência da Zona Franca de Manaus (Suframa) prepara uma intensa agenda de trabalho que vai culminar com a realização da 295ª Reunião Ordinária do Conselho de Administração da Suframa (CAS), prevista para ocorrer no dia 3 de dezembro. No entanto, desde o dia 1º haverá uma série de eventos que visam a estimular o ecossistema da Zona Franca de Manaus (ZFM) em busca de promover ações de integração em prol do desenvolvimento regional.

A primeira pauta da programação está prevista para ocorrer no primeiro dia do mês, com um encontro híbrido presencial-virtual entre representantes da Suframa, do Conselho da Amazônia, da Superintendência de Desenvolvimento da Amazônia (Sudam) e do Banco da Amazônia (Basa) e prefeitos recém eleitos de municípios do interior dos estados da Amazônia Ocidental. A iniciativa visa a estimular a interação entre os órgãos voltados ao desenvolvimento regional e os novos representantes municipais que terão, após empossados, desafios diversos, em especial nos campos social, econômico e ambiental.

No dia 2 de dezembro será a vez dos conselheiros federais do CAS chegarem à Manaus para participar dos preparativos para a primeira reunião presencial do colegiado após os quatro encontros virtuais promovidos devido aos impactos ocasionados pela pandemia da covid-19. Para esta agenda, além de visitas a empresas do Polo Industrial de Manaus (PIM), está sendo organizado um evento no Centro de Biotecnologia da Amazônia (CBA) que deve reunir cerca de 30 Institutos de Pesquisa e Startups locais para, em conjunto, debater sobre iniciativas que fomentem o ambiente de negócios regional com foco na temática da tecnologia aliada à bioeconomia.

Bioeconomia, aliás, será também o tema da agenda que se segue no mesmo dia. Está sendo organizada uma visita às instalações fluviais utilizadas para realizar o beneficiamento do açaí em alto rio. A embarcação utiliza insumos de municípios do interior do Amazonas e contribui para a geração de empregos e renda, espraiando os reflexos positivos da Zona Franca de Manaus. A programação conta, ainda, com atividade que demonstra o transbordo de cargas de grãos - com destaque pra soja - que chegam de Roraima por rodovia e são distribuídas pelas hidrovias para outros estados, abastecendo mercados nacionais e internacionais.

A visita deve ser finalizada com uma passagem pelo Encontro das Águas, iniciativa que visa a demonstrar um dos pontos turísticos da região e que se alinha ao trabalho que vem sendo promovido pela Suframa para contribuir com o desenvolvimento do turismo. O trajeto deve ser percorrido em um barco de passeio comumente utilizado por grupos turísticos internacionais, demonstrando que há estrutura para atender a demandas do tipo. Para a mesma agenda, está sendo analisada a viabilidade de apresentação do barco Sumaúma, utilizado pelo Sistema S local para promover capacitação de qualidade por comunidades ribeirinhas da região.


Investimentos e exposição

Para fechar a programação de três dias proposta pela Suframa será realizada a análise de projetos industriais e de serviços, no dia 3 de dezembro, durante a 295ª Reunião do CAS. A ocasião contará com autoridades federais, estaduais e municipais e com diversos representantes de entidades de classes, parlamentares e demais convidados. O detalhe deste encontro será a exibição de produtos, no hall da sede da Suframa, de empresas instaladas no Polo Industrial de Manaus. O polo de Duas Rodas do PIM estará em peso apresentando modelos de motocicletas e bicicletas, muitos recém lançados no Brasil.

O portfólio das empresas será apenas uma pequena demonstração de todo o potencial do parque fabril de Manaus na fabricação de produtos que atendem a demandas de todo o Brasil e, também, são exportados para diversos países, elevando a marca Zona Franca de Manaus e Amazônia para parceiros comerciais e destacando a excelência e qualidade aliadas à sustentabilidade promovida pela atividade industrial instalada na região.


+ Amazonas