Desembargadora Graça Figueiredo preside sessão do TJAM

Por

08/07/2014 12h52 — em Amazonas

Nesta terça-feira (8), a desembargadora Maria das Graças Pessôa Figueiredo presidiu a primeira sessão do pleno do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM) após sua posse no cargo de presidente do órgão, ocorrida no último dia 3.

A sessão, em que estavam presentes os outros dois novos dirigentes do TJAM - desembargadores Aristóteles Lima Thury (vice-presidente) e Flávio Humberto Pascarelli Lopes (corregedor-geral) - foi marcada pelas boas-vindas dos magistrados e pelo agradecimento da presidente pela confiança dos membros da Corte. “Pretendo presidir as sessões aplicando de maneira eficaz a lei. Devemos realizar debates respeitosos, sem agressões, sem perder o crédito e com serenidade”, disse a desembargadora Graça Figueiredo.

O desembargador João de Jesus Abdala Simões desejou uma direção tranquila e profícua aos três dirigentes. “Que neste início de gestão a senhora possa presidir de forma tranquila. Sinto muita confiança em vossa excelência como presidente do tribunal”.

Já o desembargador Domingos Jorge Chalub Pereira reiterou as palavras de João Simões, fazendo um pedido com relação ao primeiro grau, e se colocou à disposição para ajudar no que for necessário. “Não se esqueça do primeiro grau. A senhora pode contar comigo para qualquer coisa no que diz respeito a esse assunto”.

Pauta

Dentre os processos pautados para julgamento na sessão estavam os embargos de declaração referentes ao aumento do número de desembargadores do órgão, que foram adiados para a próxima sessão a pedido do desembargador Cláudio Roessing. Os processos administrativos relativos ao novo Regimento Interno do TJAM também foram adiados, a pedido do desembargador Aristóteles Lima Thury.