Compartilhe este texto

Temporada de ‘Cabaré Chinelo’ começa nesta sexta no Teatro Gebes Medeiros

Por Portal Do Holanda

13/06/2024 17h30 — em
Agenda Cultural


Foto: Rudá Marques

Manaus/AM - Em junho, o espetáculo "Cabaré Chinelo" do Ateliê 23, retorna ao Teatro Gebes Medeiros para uma curta temporada. As apresentações começam neste fim de semana, com sessões na sexta-feira (14) e no sábado (15), às 20h. A classificação é de 18 anos.

Os ingressos podem ser adquiridos no site shopingressos.com.br e no Instagram @atelie23.

Segundo Eric Lima, que divide o comando da companhia com Taciano Soares e vive a personagem Diabo, nos dias de espetáculo, a venda de ingressos inicia com uma hora de antecedência, por ordem de chegada, na bilheteria do teatro que tem capacidade para 150 pessoas. Ele alerta ter atenção ao horário da peça, porque a tolerância de entrada na plateia é de dez minutos e a apresentação começa pontualmente.

“Percebemos que, neste ano, o ‘Cabaré Chinelo’ tem levado um público novo ao teatro e um número significativo que assiste ao espetáculo pela primeira vez. Sempre fazemos essa pergunta no fim das apresentações e a quantidade de pessoas que levanta a mão é sempre muito grande”, comenta Eric Lima.

Novas apresentações

Para este mês, conforme Eric Lima, estão programadas quatro apresentações.

“É importante que as pessoas saibam que é curta temporada e devemos voltar somente mais duas vezes no próximo semestre, mas não temos as datas até o final do ano”, reforça o artista. “O público pode acompanhar a programação em @atelie23 no Instagram”.

O ator conta que a produção tem atualizações dramatúrgicas, com detalhes que potencializam momentos em cena.

 “Continuamos a trabalhar na dramaturgia, a partir da nossa participação em festivais nos últimos dois anos, para trazer a verdadeira história de Manaus, a face desconhecida da Belle Époque que conta a história de mulheres que sofreram no sistema da prostituição”, afirma Eric Lima.

“Cabaré Chinelo” narra a trajetória de Mulata, Balbina, Antonieta, Soulanger, Laura, Joana, Luiza, Felícia, Enedina, Sarah, Emiliana e Maria, entre 1900 e 1920. A plateia pode acompanhar quatro momentos da peça por meio de recortes de jornais, no material presente no programa do espetáculo e disponível em QR Code.

A versão 2024 da obra inspirada na pesquisa de Narciso Freitas está repaginada, com figurino assinado por Eric Lima, com assistência de Andira Angeli e apoio de Sarah Margarido.

Trilha sonora

Fora do teatro, o “Cabaré Chinelo” é sucesso também nas plataformas digitais. De acordo com Eric Lima, o álbum, lançado em abril, tem mais de dois mil ouvintes mensais, em diferentes streamings de áudio.

“Quatro faixas do álbum entraram na playlist viral Manaus, que foi ‘La Muerte’, ‘Somos o Cabaré’, ‘Gaita de Gaivota’ e ‘Lobas’”, aponta o diretor musical do espetáculo em parceria com Guilherme Bonates. “A música ‘Eu Sou a Maior’, da personagem Balbina, entrou em mais de mil playlysts desde o lançamento”.

O repertório tem 12 músicas, entre elas “Soulanger”, “Maria É Gente”, “Prazer, Luiza”, “Moço”, “Bom Amigo”, “Tatá”, “Descanse” e “Grito de Conceição”.

“É o nosso primeiro álbum, não lançamos nem single. É fruto de muito trabalho, de muitos artistas incríveis”, declara Eric Lima.


Siga-nos no
O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

ASSUNTOS: Agenda Cultural

+ Agenda Cultural