Projeto premia com R$ 10 mil melhor história de mulher empreendedora

Por Portal do Holanda

05/04/2021 11h46 — em Agenda Cultural

Foto: Divulgação / O projeto vai selecionar cinco mulheres e transformar suas histórias de vida em livros

Manaus/AM - Você, alguma vez, já pensou em ter sua história contada em um livro? E além de inspirar pessoas, ainda ganhar R$ 10 mil para impulsionar seu próprio negócio? Um projeto do Ministério do Turismo e da concessionária Águas de Manaus pode ajudar a realizar este sonho.

A empresa está em busca de mulheres empreendedoras, moradoras da cidade de Manaus, que queiram participar do projeto “Biografias Colaborativas“, que está sendo lançado na cidade nesta semana.

O  Biografias colaborativas vai selecionar cinco mulheres e transformar suas histórias de vida em livros. As biografadas ainda receberão capacitação e R$ 10 mil para aplicar em seus negócios.

Para se candidatar a uma das vagas, as interessadas devem enviar um vídeo de até 1 minuto contando sobre sua história e o seu empreendimento. Vale de tudo. Uma pequena banca de comida, a dona de um brechó, autônomas, produtoras culturais, projetos sociais, trabalhos comunitários, etc. Quanto mais criativo for o vídeo, melhor! A candidata deverá se identificar falando o seu nome e sobrenome, telefone de contato e o bairro onde mora em Manaus.

Os vídeos deverão ser enviados somente pelo WhatsApp (92) 99236-6161 ou pelo e-mail [email protected], até 26 de abril. Uma banca técnica vai selecionar as melhores histórias.

Escrevendo histórias – As cinco mulheres selecionadas vão contar com um biógrafo exclusivo e passarão a compartilhar suas rotinas ao longo dos próximos meses para confecção do livro. A previsão é que, no segundo semestre deste ano, as cinco biografias colaborativas sejam lançadas na cidade e estejam disponíveis para qualquer pessoa adquirir em livrarias e sites. Além da premiação inicial, as biografadas ainda receberão ainda os valores referentes aos direitos autorais da venda das biografias.

Os livros, porém, terão o último capítulo em branco, pois a renda das vendas será direcionada ao negócio de cada empreendedora. Assim, essas histórias inspiradoras continuarão sendo escritas a muitas mãos. Desta vez, com a participação do leitor que incentivar o projeto.  Os capítulos finais dos livros, que contarão como as mulheres biografadas tiveram seu potencial empreendedor potencializado através desta iniciativa, serão disponibilizados no site do projeto - um mês após o lançamento - para os leitores que adquirirem os exemplares.


O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

+ Agenda Cultural