Siga o Portal do Holanda

Bolsonaro desperta instintos primitivos em seus apoiadores

Publicado

em

Invés de um ministério para governar bem, Bolsonaro implantou no governo uma Deep web particular para espalhar ‘veneno tóxico’ e mexer com os instintos mais primitivos de seus seguidores.

Num país civilizado Jair Bolsonaro seria considerado apenas um político excêntrico. Mas no Brasil ainda em formação intelectual, o capitão presidente torna-se um ator perigoso. 

Lidera uma ideia que ao longo da história tem levado nações à derrocada. Ele semeia o ódio social entre as classes com uma habilidade espantosa. Se confirmadas as manifestações de rua para se contrapor ao protesto  dos estudantes ocorrido na ultima semana - passará a ideia de um país dividido.

Pior se a manifestação de rua - caso ocorra - tiver como alvos o Supremo e o Congresso. É um erro acionar as redes das sombras’ contra os poderes constituídos, aos quais acusa de tentar derrubá-lo. Vai deixar a impressão  de querer  dar ‘o golpe’ sobre a suspeita de um golpe.

Alguém precisa dizer para o presidente, por exemplo, que ele  não pode aqui  e ali repetir que a vaga que surgir no STF será de Sérgio Moro. Primeiro porque  a vaga só surgirá em dois anos; segundo, porque  a ideia de abreviar esse tempo pode ser facilmente plantada na cabeça de um desvairado qualquer. Isso não expõe apenas a segurança pessoal dos atuais ministros, expõe a democracia, expõe a República, expõe a serenidade e a paz que o País procura. 

BOLSONARO AINDA

PODE VIRAR  A MESA  

Bolsonaro ainda pode dar a volta por cima e se tornar o líder que o eleitor imaginou que ele se tornaria: basta falar menos, provocar menos, governar mais. Até agora só errou: Invés de um ministério para governar bem, implantou no governo uma Deep web particular para espalhar ‘veneno tóxico’ e mexer com os instintos mais primitivos de seus seguidores.

É hora de a sociedade redobrar a atenção e exigir do seu governante pelo menos a compostura de um dirigente. Antes que ele acabe atirando o país no seu próprio ‘mundo sombrio’.

500 MIL LÊEM  BASTIDORES

A coluna Bastidores foi acessada por meio milhão de leitores, recorrentes ou não,  em  abril. Os números são do Google Analytics. Esse é apenas um dado da audiência total do Portal do Holanda no mês. Levantamento do IVC -  Instituto Verificador de Comunicação - aponta que o Portal do Holanda  continua liderando com folga em Manaus, no Amazonas e em toda a região Norte.No País, ocupa a 15a posição entre os sites auditados. 

CRESCIMENTO DO AM1

A nível de Estado do Amazonas, o destaque é para o Portal Am1, que passou ocupar a 4a  posição entre os sites locais auditados, com um crescimento de mais  de 20% em relação AO mês anterior.  Veja as tabelas abaixo

 TABELA MANAUS

TABELA AMAZONAS

TABELA BRASIL

 

+ BASTIDORES DA POLÍTICA

Para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do Portal do Holanda estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral.

Copyright © 2006-2019 Portal do Holanda.