Tutora vende brigadeiros para custear tratamento de cachorro com tumores

Por Folha de São Paulo / Portal do Holanda

03/07/2019 7h45 — em Pet

Foto: Reprodução

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Apolo é um cão idoso, diagnosticado com três tumores: no baço, na região do tórax e no pulmão. Para cuidar da saúde, ele precisa de remédios, exames e consultas veterinárias frequentes. E, para custear o tratamento, vende brigadeiros.

Isso porque os gastos pesaram no bolso da família, que decidiu correr atrás de formas de dar ao pet a terapia adequada. A tutora recorreu às redes sociais, criou uma vaquinha virtual e uma campanha para a venda dos doces que tem o próprio Apolo como garoto propaganda.

" Tomo cinco remédios todos os dias, faço meus exames de sangue duas vezes por mês. Mas eu sei que tudo isso é gasto, não é? Então resolvi arregaçar as mangas e botar as patas na massa! Estou fazendo brigadeiros para vender e ajudar a comprar todos os remédios que me deixam assim, bem felizão", diz legenda de foto em rede social que mostra o cachorro com um placa, anunciando o doce por R$ 1.

O cãozinho, hoje com 11 anos, está com Mariana Queiroz, 28, desde os 45 dias de vida.

A família mora no Recife (PE) e, devido à saúde debilitada do pet, passou a vender os doces por encomendas. Segundo a tutora, os colaboradores aproveitavam para conhecer Apolo ao buscar a guloseima. Porém, agora que o cachorro está melhor, a venda deverá ocorrer também na praia ou em praças.

Recentemente, o cachorro passou por cirurgia para a retirada do baço. Exames apontam boa recuperação e evolução.

De acordo com Mariana, a venda dos brigadeiros ajuda a custear o tratamento, que é, em média, de R$ 600 por mês. A vaquinha, com adesão acima do esperado, pagou cirurgia e o material utilizado. “Só a bolsa de sangue custou R$ 1.800.”


O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

+ Pet


22/12/2021

Erro 10001

22/11/2020

x