Compartilhe este texto

Prefeitura de SP aumenta em 30% valor para PM que atuar de folga na cracolândia

Por Folha de São Paulo

09/12/2023 18h00 — em
Variedades



SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Em cerimônia realizada nesta sexta-feira (8) no Shopping Light, no centro de São Paulo, com a presença do governador Tarcísio de Freitas (Republicanos), o prefeito Ricardo Nunes (MDB) sancionou o projeto de lei municipal 511/2023, que aumenta o valor da gratificação por desempenho aos policiais militares e civis e da atividade complementar dos GCM (Guardas Civis Metropolitanos) que atuam na Operação Delegada, na região da cracolândia.

A Operação Delegada foi criada para que oficiais reforcem o policiamento durante suas folgas. E esse aumento foi uma forma para que mais policiais se voluntariem para o serviço.

O projeto formaliza acréscimos de 20% para atuação dos oficiais no período noturno, entre 22h e 6h, independentemente da localidade, e de 30% para trabalho em regiões consideradas estratégicas, definidas pelo município.

"Fizemos uma correção do valor e aumentamos o convênio para 2.400 homens, e agora tem esse projeto que acabei de sancionar, que aumenta em 20% o valor da remuneração da operação delegada, acrescenta a operação delegada noturna, que tem mais 20%. E a gente colocou a segunda inovação, que é o extra de 30% para os policiais que trabalharem nas áreas que a gente vai definir pela SMSU (Secretaria Municipal de Segurança Urbana) como as áreas prioritárias", explicou o prefeito. "Então, estamos fazendo um grande investimento da prefeitura em parceria com o estado, e acrescentando ainda a operação delegada dos bombeiros", acrescentou.

Com os novos valores, soldados, cabos, sargentos e subtenentes passam a receber R$ 328,90 por período de oito horas na Atividade Delegada, e oficiais terão direito à remuneração de R$ 394,68 pelo mesmo período. Para as regiões estratégicas, os valores são de R$ 427,56 para praças e R$ 513,08 para oficiais. Já os adicionais noturnos ficam em R$ 394,68 e R$ 473,61, respectivamente.

No evento, prefeito e governador também autorizaram a disponibilização de quatro edifícios que poderão abrigar serviços públicos ou privados no centro, no projeto de revitalização da região central da capital.

Os imóveis disponibilizados pelo governo do estado são o antigo prédio do Instituto de Previdência do Estado, na praça Bráulio Gomes, e o edifício Canadá, na rua XV de Novembro. Já a prefeitura ofereceu dois edifícios na rua Conselheiro Crispiniano, ambos próximos à praça Ramos de Azevedo, que ficaram famosos por abrigar o antigo Cine Marrocos e uma loja da Kalunga.

"A partir do momento que a gente avança em uma ação coordenada entre prefeitura e Estado, nós vamos ter mais êxito. De pequeno em pequeno avanço, nós vamos chegar lá. Hoje, a gente está fazendo a permuta de imóveis e vamos começar a pensar na revitalização e em quais equipamentos vamos levar para o centro", afirmou o governador Tarcísio. "Na segurança pública, não vamos poupar esforços e recursos para aplicar em efetivo, monitoramento e em tecnologia", acrescentou.


Siga-nos no
O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

ASSUNTOS: Variedades

+ Variedades