Prefeito de Pirassununga (SP) chama negacionistas da pandemia de 'ignorantes e zóio tapado'

Por Folha de São Paulo / Portal do Holanda

05/03/2021 17h35 — em Variedades

RIBEIRÃO PRETO, SP (FOLHAPRESS) - "Para de ser ignorante, pelo amor de Deus. O Covid está aí, e quem não acredita nele é porque é ignorante, 'zóio' tapado. Pelo amor de Deus, inferno."

Foi assim que o prefeito de Pirassununga, o médico Dimas Urban (PSD), encerrou um vídeo em que falou à população da cidade do interior de São Paulo sobre os impactos da pandemia do novo coronavírus.

Município de 78 mil habitantes, Pirassununga (a 211 km de São Paulo) registrou até esta quinta-feira (4) 67 mortes e 4.235 casos confirmados da Covid-19.

O vídeo foi publicado na última terça-feira (2), mas passou a viralizar nas redes sociais nos dias seguintes.

Nele, de cerca de 15 minutos, o prefeito demonstra irritação com negacionista s da pandemia, critica aglomerações formadas na cidade, explica as filas formadas para a vacinação e comenta as dificuldades para contratar profissionais de saúde.

De acordo com ele, a "maioria esmagadora" de casos recentes é de jovens que foram a bares ou festas.

"Gente, o que eu estou recebendo no Whatsapp, vendo no Facebook, de gente postando foto de bar lotado de gente, todo mundo sem máscaras, as mesas todas juntinhas. Escuta, 'ah, mas a culpa é do prefeito, que não manda fiscalização'. Escuta aqui, a Guarda Municipal agora é a mamãe brava que vai lá e tem que dar um tapa no bumbum do bebê mal educado e teimoso para ele voltar para casa? Que negócio é esse?", questionou o prefeito.

O prefeito disse que a cidade está entrando em colapso e que já há paciente intubado, que deveria estar na UTI (Unidade de Terapia Intensiva), em leito de enfermaria.

"Você que vai no bar e fica lá sem máscara, como se nada estivesse acontecendo, você é um assassino em potencial. Porque você vai matar seu pai, sua mãe. É você que vai matar, não é o prefeito que não mandou fiscalização, é você. Presta atenção."

No trecho que viralizou, Urban faz as críticas, seguida por um tapa na mesa, e se levanta.

A reportagem não conseguiu ouvir o prefeito nesta sexta. Em entrevista à Globo News, ele pediu desculpas à população porque o responsável pela edição do vídeo "acabou não cortando essa partezinha aí, que acabou viralizando". "Mas isso é o meu sentimento agora."

Outro governante, Du Cazellato (PL), prefeito de Paulínia, também no interior paulista, chorou ao enviar uma mensagem de áudio para um padre da cidade relatando o cenário local da pandemia.

Ligado à Igreja Católica, o prefeito enviou a mensagem para explicar a antecipação da fase vermelha do Plano São Paulo, que está em vigor na cidade desde quinta-feira (4).

Ele disse que, desde segunda-feira, o hospital colapsou e, como não é possível contar com unidades hospitalares em municípios vizinhos, tomou a decisão de ampliar as restrições, que englobam o veto a missas e cultos.

Dos 34 leitos de enfermaria, 30 estão ocupados nesta sexta. Na UTI, as 20 vagas têm pacientes internados.

"Chegamos a um ponto que não temos mais o que fazer. Só oração e proteção de Deus. Desculpa, padre [e chora]."

O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

+ Variedades