CET instala placas de alerta de altura na 23 de Maio, na zona sul de SP

Por Folha de São Paulo / Portal do Holanda

22/09/2021 16h36 — em Variedades

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A CET (Companhia de Engenharia de Tráfego) implantou nesta semana um novo dispositivo de alerta de excesso de altura para condutores de ônibus e caminhões na avenida 23 de Maio, na zona sul de SP. O endereço foi escolhido porque, em 2021, já foram registradas 42 ocorrências do tipo no local.

O objetivo da companhia é evitar que veículos se choquem contra o viaduto General Euclides Figueiredo, na Vila Mariana, ou entalem na estrutura, como aconteceu com um caminhão-baú na ponte do Limão, na zona norte da cidade, no final de julho deste ano.

O equipamento é composto por chapas de alumínio pintadas em preto e amarelo que ficam penduradas exatamente na altura do viaduto em colunas cônicas.

Assim, se veículos com excesso de altura passarem pelo local, o impacto das chapas metálicas com a carroceria chamará a atenção do motorista para o fato de seu veículo estar inadequado para trafegar naquela via.

Além desse dispositivo, a CET instalou também novas sinalizações, com placas e luminosos alertando para a altura máxima do viaduto.

Este é o primeiro local da capital paulista a receber os novos equipamentos. A companhia também instalará o dispositivo em outros quatro pontos com alta incidência na cidade: na avenida Alcântara Machado, na altura do viaduto Bresser; na avenida do Estado, altura do viaduto da CPTM (sentido norte); no túnel Jânio Quadros e na avenida Pacaembu, na altura do viaduto General Olímpio da Silveira.

O dispositivo desenvolvido pela CET foi inspirado em modelos usados nos Estados Unidos e na Inglaterra e que demonstraram serem eficazes, segundo a companhia.

Até julho deste ano, a cidade de São Paulo registrou 194 casos de veículos com excesso de altura entalados, na iminência de entalar ou que enroscam em fiação elétrica e batem em galhos de árvores. Segundo dados da CET, houve um aumento nesse tipo de ocorrência nos últimos anos, tendo sido registrados 242 casos em 2017, 288 em 2018, 239 em 2019 e 364 em 2020.

Veículos com excesso de altura podem ser autuados com cinco pontos na CNH, já que a infração é considerada grave, e exigência de pagamento de multa de R$ 195,23.

"Há dois enquadramentos possíveis para essa autuação. Um para quando o veículo transita com mais de 4,40 m de altura (limite máximo geral de acordo com Resolução do CONTRAN nº 210/06) e sem Autorização Especial de Trânsito (AET) válida. O outro é quando o veículo transita com altura superior à limitação imposta pela sinalização de regulamentação e advertência em decorrência de limitação física do gabarito vertical de túneis, pontes e viadutos. Ambos os casos recebem a mesma multa", explica a CET em nota.

A companhia ainda afirma que, além das sinalizações que servem como alerta aos motoristas, há fiscalização permanente em túneis, pontes e viadutos por toda a cidade que é realizada por suas equipes de campo.


O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

+ Variedades