Compartilhe este texto

Medicamento que retarda progressão do Alzheimer em 60% é eficaz, diz painel da FDA

Por Portal Do Holanda

10/06/2024 22h07 — em
Saúde e Bem-estar


Foto: Pixabay

Nesta segunda-feira (10), consultores da Agência de Alimentos e Medicamentos dos Estados Unidos (FDA) foram unânimes sobre a eficácia do medicamento donanemab, que retardou a progressão do Alzheimer em 60% para pacientes que estão no estágio inicial da doença. 

O posicionamento abre portas para a FDA chegar a uma decisão final acerca do tratamento, que inicialmente era esperada para o início do ano. A agência não tem obrigação de seguir a recomendação de consultores externos, mas normalmente isso acontece. 

O donanemab é um anticorpo da farmacêutica Eli Lilly, projetado para eliminar uma substância chamada beta-amilóide, que se acumula nos espaços entre as células cerebrais, formando placas que são características do Alzheimer. 

Um total de 1.736 pacientes com Alzheimer leve, entre 60 e 85 anos, participaram do estudo. O medicamento retardou a progressão do Alzheimer em 60% desses casos. Para os pacientes com estágio avançado da doença, não houve resultados significativos. O efeito colateral comum em até um terço dos pacientes foi um inchaço cerebral e três pacientes morreram.


Siga-nos no
O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

ASSUNTOS: Saúde e Bem-estar

+ Saúde e Bem-estar