Compartilhe este texto

EUA registra 1º caso de doença transmitida sexualmente causada por fungo

Por Portal Do Holanda

11/06/2024 11h07 — em
Saúde e Bem-estar


Foto: Ilustrativa Unplash

Uma micose sexualmente transmissível causada por um fungo raro foi relatada pela 1ª vez nos Estados Unidos. Publicado na JAMA Dermatology por médicos da NYU Langone Health, em Nova York, o caso envolve um homem de 30 anos que relatou ter mantido relações sexuais com vários homens durante uma viagem à Inglaterra, Grécia e Califórnia. Ao retornar, ele desenvolveu uma erupção cutânea vermelha e pruriginosa nas pernas, virilha e nádegas.

Os exames revelaram a presença de um fungo sexualmente transmissível chamado Trichophyton mentagrophytes tipo VII, identificado pela primeira vez nos EUA. No ano anterior, médicos diagnosticaram 13 pessoas na França com o mesmo fungo, sendo 12 delas homens que mantinham relações sexuais com outros homens.

O paciente americano foi tratado com fluconazol por quatro semanas sem melhora, seguido de seis semanas de terbinafina e aproximadamente oito semanas adicionais de itraconazol, todos antifúngicos orais. O tratamento totalizou quatro meses e meio para a cura completa.

Ele não apresentava outras infecções que pudessem agravar a situação.

“Não há evidências de que isso seja generalizado ou que as pessoas precisem se preocupar excessivamente, mas se alguém apresentar erupções pruriginosas em áreas como a virilha e não houver melhora, deve consultar um médico”, explicou Avrom Caplan, professor assistente de dermatologia na NYU Grossman School of Medicine e autor do relatório.

Embora a infecção provavelmente tenha sido transmitida por contato sexual, Caplan sugere que o paciente pode ter contraído o fungo em uma sauna que visitou dois meses antes dos sintomas. O paciente relatou que seus parceiros sexuais não apresentavam sinais de micose.

Caplan também observou que a erupção pode parecer mais uma crise de eczema (inflamação superficial da pele que causa prurido) do que infecções típicas de micose, que se formam em círculos. A infecção não é fatal, mas pode causar cicatrizes permanentes.

 

 


Siga-nos no
O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

ASSUNTOS: Saúde e Bem-estar

+ Saúde e Bem-estar