FHC diz que Dilma é honrada e não está envolvida em corrupção

Por Portal do Holanda

01/08/2015 6h48 — em Política


O ex-presidente do Brasil, Fernando Henrique Cardoso, disse em entrevista à revista alemã Capital que acredita que os escândalos que assolam o país começaram no governo Lula. Além disso, também creditou ao líder petista a responsabilidade sobre a atual crise brasileira. Com relação à Dilma, FHC revelou que não acredita que ela tenha envolvimento direto com corrupção.

Segundo o site UOL, o tucano completou que, apesar da presidente não ter relação com os escândalos, “o partido dela, sim, claro. O tesoureiro está na cadeia". Ele ainda completa: "Eu a considero uma pessoa honrada, e eu não tenho nenhuma consideração por ódio na política, também não pelo ódio dentro do meu partido, ódio que se volta agora contra o PT".

FHC diz que a crise teve início com Lula. "Tudo começou bem antes, em 2004, com o Lula, com o escândalo do mensalão", analisa. Quanto ao envolvimento direto do petista, FHC foi comedido na resposta. "Não sei em que medida. Politicamente responsável ele é com certeza. Os escândalos começaram no governo dele", reafirmou.

Para ele, é impossível que Lula não soubesse do mensalão. "Para colocá-lo atrás das grades, é necessário haver algo muito concreto. Talvez ele tenha que depor como testemunha. Isso já seria suficientemente desmoralizante", comenta.

No o fim da entrevista, Fernando Henrique analisa a figura pública de Lula. "Eles fizeram dele um deus, mas ele apenas levou adiante a minha política", Afirma.