Compartilhe este texto

Datafolha em SP: Sem França, Haddad tem 34%; Tarcísio, 13%; e Rodrigo Garcia, 13%

Por Estadão Conteúdo / Portal do Holanda

30/06/2022 18h29 — em
Política



O ex-prefeito Fernando Haddad (PT) lidera a disputa pelo governo de São Paulo com 34% das intenções de voto, de acordo com pesquisa Datafolha divulgada nesta quinta-feira, 30, em um cenário sem o ex-governador Márcio França (PSB). O petista é seguido pelo ex-ministro da Infraestrutura Tarcísio de Freitas (Republicanos) e o pré-candidato à reeleição, o governador Rodrigo Garcia (PSDB), ambos com 13%.

O ex-governador Márcio França pode desistir da disputa e se lançar candidato ao Senado na coligação de Haddad. Essa caminho ganhou força com a desistência do apresentador José Luiz Datena (PSC) de disputar o cargo. Como mostrou o Estadão, a avaliação de petistas é de que não há mais barreiras para a composição de França com o PT no âmbito estadual em favor de Haddad.

Veja os números em cenário sem Márcio França:

Fernando Haddad (PT): 34%

Tarcísio Gomes de Freitas (Republicanos): 13%

Rodrigo Garcia (PSDB): 13%

Gabriel Colombo (PCB): 3%

Felício Ramuth (PSD): 2%

Altino Junior (PSTU): 2%

Vinicius Poit (Novo): 1%

Abraham Weintraub (Brasil 35): 1%

Elvis Cezar (PDT): 1%

Em branco, nulo e nenhum: 20%

Não souberam: 9%

O Datafolha também divulgou um cenário com o nome do ex-governador na disputa. Nesse recorte, Haddad também lidera com 28% das intenções de voto, seguido por França, com 16%, Tarcísio, com 12% e Rodrigo Garcia, com 10%.

Veja os números em cenário com Márcio França:

Fernando Haddad (PT): 28%

Márcio França (PSB): 16%

Tarcísio Gomes de Freitas (Republicanos): 12%

Rodrigo Garcia (PSDB): 10%

Felício Ramuth (PSD): 2%

Gabriel Colombo (PCB): 2%

Vinicius Poit (Novo): 1%

Abraham Weintraub (Brasil 35): 1%

Altino Junior (PSTU): 1%

Elvis Cezar (PDT): 1%

Em branco, nulo e nenhum: 16%

Não souberam: 9%

O instituto Datafolha ouviu 1.806 moradores entre os dias 28 e 30 de junho. A margem de erro é de dois pontos porcentuais, para mais ou para menos. A pesquisa foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número SP-02523/2022.



O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

ASSUNTOS: Política

+ Política