Na fissura por droga, vizinho matou carteiro que descansava em rede

Por Portal do Holanda

23/10/2015 21h47 — em Policial

Manaus/AM - Eunardo Jordão de Carvalho, 19 anos, o “Pica-Pau”, foi preso na tarde da quinta-feira, 22, pela equipe de investigação do 25º Distrito Integrado de Polícia (DIP). Ele estava sendo procurado, acusado do latrocínio do carteiro Nelson Dias Pereira Filho, de 45 anos, na madrugada do mesmo dia, na rua Jauari, bairro Zumbi 3, zona Leste da cidade.
  
De acordo com o delegado titular do 25º DIP, Aldeney Goes, Eunardo era vizinho da vítima. Na madrugada do crime, por volta das 4h, o infrator teria visto quando o carteiro, que era usuário de drogas, chegou a casa visivelmente embriagado, por volta das 2h.

“O rapaz esperou que Nelson dormisse para poder furtá-lo, porém a vítima ficou deitada em uma rede, fumando maconha. Por volta das 4h, impaciente com a espera, Eunardo, utilizando uma faca, teria abordado o carteiro e cortado a garganta da vítima. Em seguida roubou R$ 50 em espécie e o celular de Nelson”, explicou Goes.
  Ao longo das investigações, a autoridade policial foi informada que Eunardo tinha o costume de furtar a residência de Nelson. Por conta disso ele não foi descartado como autor do delito. Conduzido ao 25º DIP para prestar esclarecimentos, o rapaz acabou confessando a autoria do latrocínio.

“Ele ainda tentou acusar outras pessoas, mas após entrar em contradição decidiu contar a verdade e forneceu detalhes de como o crime aconteceu. Eunardo nos levou ao local onde havia enterrado a faca utilizada no delito. O objeto estava escondido no outro lado da rua onde ocorreu o latrocínio. Usuário de drogas, Eunardo afirmou na delegacia que pretendia comprar entorpecentes com o dinheiro roubado da vítima”, declarou Aldeney.

Eunardo já responde a outros processos por roubo e furto. Dessa vez ele foi autuado em flagrante por latrocínio. Ao término dos procedimentos cabíveis ele será encaminhado à Cadeia Pública Desembargador Raimundo Vidal Pessoa, onde irá ficar à disposição da Justiça.