Siga o Portal do Holanda

Policial

​Presa dupla que matou jovem com requintes de crueldade no João Paulo, em Manaus

Publicado

em

Manaus/AM - Dois rapazes foram apresentados na manhã desta sexta-feira (31) em coletiva à imprensa na sede da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) suspeitos de homicídio. Lucas Monteiro Ozório, 19, mais conhecido como “Naldo” e Rodrigo Cruz Reis, 18, conhecido como “Pimpolho” são suspeitos de terem matado com requintes de crueldade no dia 6 de julho David Geison Souza dos Santos, que tinha 17 anos quando morreu. Na ocasião, a vítima foi encontrada sem roupas no quintal da própria casa.

>>> CENAS IMPRÓPRIAS EM RAZÃO DO NÍVEL DE VIOLÊNCIA. NÃO CLIQUE SE FOR SENSÍVEL OU TIVER RESTRIÇÃO A ESSE TIPO DE CONTEÚDO <<<

Segundo o delegado adjunto da DEHS, Antônio Cláudio Teixeira, o primeiro a ser preso foi Rodrigo, que estava em Manaquiri e foi localizado após denúncias anônimas. Ele foi localizado no dia 23 desse mês. 
Já a prisão de Lucas aconteceu no 30º Distrito Integrado de Polícia (DIP), quando ele compareceu na delegacia para esclarecer algo sobre uma agressão que cometeu ao próprio pai em 2014. 

>>> CENAS IMPRÓPRIAS EM RAZÃO DO NÍVEL DE VIOLÊNCIA. NÃO CLIQUE SE FOR SENSÍVEL OU TIVER RESTRIÇÃO A ESSE TIPO DE CONTEÚDO <<<

Em depoimento a dupla revelou que matou David porque ele teria estuprado a irmã de “Valdo” dias antes. Eles atraíram a vítima para o fundo do quintal onde ela morava. Lá, “Pimpolho" matou David enforcado. Em seguida “Valdo" ainda acertou uma paulada na cabeça da vítima, depois desferiu um golpe com uma enxada na testa e, por fim, furou os olhos de David com um ciscador.

A dupla responderá pelo crime de homicídio duplamente qualificado. Eles foram encaminhados à Cadeia Pública Desembargador Raimundo Vidal Pessoa, no Centro.

+ Policial

Para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do Portal do Holanda estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral.

Copyright © 2006-2020 Portal do Holanda.