Siga o Portal do Holanda

Amazonas

Semed diz que contratos da merenda são necessários

Publicado

em

Por

Em resposta à nota publicada nesta segunda-feira na coluna Bastidores da Política, sob o título ‘Tem Gente Comendo’, a Secretaria Municipal de Educação esclarece que os novos contratos firmados com as empresas Brio Química Comércio de Alimentos Ltda, Feitoza e Saldanha ltda, Rodione das Graças Pavon Silva e A.M De G Muniz Júnior foram licitados no pregão 018/2011, publicado em dezembro do ano passado, que gerou a ata de registro de preços 03/2012. Os cerca de R$ 3 milhões citados pela nota referem-se, segundo a Semed,  a novas aquisições de gêneros alimentícios para suprir a necessidade de merenda escolar do município, comprados com base na  ata de registro de preços.

A ata de registro de preços permite que a Semed faça a compra dos gêneros alimentícios necessários de acordo com sua necessidade, sem que haja a obrigatoriedade de comprar todos os produtos de uma só vez, explica a nota.  "Com isso, a utilização dos produtos é otimizada, evitando desperdício e só comprando o que é de fato necessário, proporcionando um melhor gerenciamento da verba pública".

A nota prossegue dizendo que como o calendário escolar se estende até 22 de dezembro,   algumas escolas continuarão em calendário especial em janeiro de 2013, o que obriga  a Semed é obrigada, por conta do princípio constitucional da continuidade do serviço público, a tomar todas as providências para manter a regularidade do abastecimento de merenda escolar na rede municipal.
               
    

+ Amazonas

Para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do Portal do Holanda estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral.

Copyright © 2006-2020 Portal do Holanda.