Proprietário de avião diz que piloto morto em acidente era seu grande amigo

Por

28/02/2012 17h50 — em Amazonas

Da esquerda para a direita: Fernanda Souza, Cleiton de Souza (proprietário da CTA Táxi Aéreo), Antônio Pietro  Calli (dono do Antonios Restaurante) , um homem não identificado, e de calças cinza, de óculos, o piloto da CTA, Antônio José de Almeida. A foto foi tirada em dezembro de 2010, por ocasião da inauguração do Restaurante Italino Antonio, no bairro Vieralves.

Clique em cima da foto para ampliar.

Em nota assinada pelo empresário  Cleiton de Souza, proprietário da Cleiton Táxi Aéreo, cujo avião caiu na manhã desta terça-feira, matando o piloto José Antônio de Almeida Maia, a aeronave, um Caravan, prefixo PT-PTB,  estava revisada  e o acidente o surpreendeu. Cleiton diz ainda que, antes de ser seu funcionário,  Maia era um  "grande amigo".  Clique AQUI e veja fotos do acidente.

Veja a Nota:
 
"A Empresa CTA Taxi Aéreo, proprietária do avião monoturbina, marca Cessna, modelo Caravan, prefixo PT-PTB, lamenta o ocorrido na manhã desta terça-feira, 28 de fevereiro de 2012.

No momento, a empresa está prestando total assistência à família do piloto José Antônio de Almeida Maia, profissional experiente, com atuação em várias empresas e com mais de dez anos de serviços prestados, com excelência, à CTA Taxi Aéreo. O comandante era o único ocupante da aeronave, que estava com todas as revisões atualizadas.

A empresa já está prestando informações ao Seripa-7, para que as causas do acidente sejam esclarecidas o mais rápido possível.

O comandante Almeida não era considerado apenas um funcionário, mas sim um grande amigo, de longas datas, causando em toda a empresa um profundo abatimento e pesar pelo ocorrido.

Cleiton de Souza.
 
CTA Taxi Aéreo"

NULL