Pauderney apoia oficialmente greve das universidade públicas

Por

10/09/2012 19h19 — em

Uma comissão formada por professores do Comando Local de Greve (CLG) da Universidade Federal do Amazonas (Ufam) recebeu nesta segunda-feira, 10/9, o candidato a prefeito de Manaus e deputado federal, Pauderney Avelino (Democratas), para reunião na sede da Associação dos Docentes da Ufam (Adua).

Os professores solicitaram apoio ao parlamentar ao movimento dos docentes da instituição. O parlamentar, que é egresso da Ufam, onde concluiu seu curso de Engenharia Civil, assegurou apoio oficial à greve e se colocou à disposição para enfrentar a mesma luta no Congresso: “Eu sou fruto dessa educação pública, desde a infância até a faculdade. Também fui professor da (antiga) Escola Técnica Federal do Amazonas, sei na pele o que é ser professor. Por isso acho totalmente legítima a reivindicação de vocês e apoio. Precisamos mudar a legislação brasileira para dar mais garantias aos professores”, falou o prefeiturável.
Uma comissão formada pelos docentes Rosa Dias da Silva, Ana Martins, Marcelo Vallina, Francinézio Amaral e Gilson Monteiro recebeu o candidato na sede da Adua. No encontro, os professores explicaram a Pauderney Avelino a pauta de reivindicações da categoria, que foca, principalmente, na reestruturação da carreira, melhorias de condições de trabalho e salários dignos. O movimento fez críticas à postura do Governo Federal, que impôs propostas e fechou as negociações, chegando a ameaçar cortar o ponto dos professores em greve. A greve começou em 17 de maio e vai completar 4 meses.

Pauderney se comprometeu a acompanhar a tramitação do projeto 4368/2012, que dispõe sobre a estruturação do Plano de Carreiras e Cargos de Magistério Federal, e fazer o que for possível para buscar melhores condições de trabalho, com dignidade, para os profissionais que dedicam sua vida ao ensino universitário, pesquisa e extensão, sendo partes da educação viva.

A agenda do prefeiturável ainda incluiu corpo a corpo em fábricas do Distrito Industrial, como na Salcomp e Ifer, e depois bandeirada, à noite, na avenida Constantino Nery.

 
 

NULL

O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

+