Siga o Portal do Holanda

Manaus

Omar destaca conquistas da ZFM durante reunião do CAS

Publicado

em

Por

O governador Omar Aziz saiu satisfeito da 255ª Reunião do Conselho de Administração da Suframa, nesta terça-feira, 28 de fevereiro. Além da aprovação de 42 projetos, sendo 21 de implantação de novas indústrias no Polo Industrial de Manaus (PIM) e outros de ampliação, diversificação e atualização com investimentos acima de US$ 1 bilhão e previsão de 1,4 mil novos empregos diretos, foi anunciado que o prazo limite para que as indústrias do setor de eletroeletrônicos instalem o Ginga (software intermediário que permite desenvolver aplicações interativas de TV digital) em todos os aparelhos de TV produzidos no PIM foi adiado deste ano para 2013.

A prorrogação do prazo foi um pedido feito pelo governador Omar Aziz ao secretário executivo do Ministério do Desenvolvimento Indústria e Comercio Exterior (Mdic), Alessandro Teixeira, em janeiro deste ano, durante a posse do superintendente da Suframa, Thomaz Nogueira, para que as empresas locais pudessem se adequar e evitar que o custo fosse repassado ao consumidor.

Teixeira presidiu a reunião do CAS desta terça-feira. O evento marcou a comemoração dos 45 anos da Zona Franca de Manaus (ZFM) e a posse dos novos superintendentes adjuntos da Suframa, Gustavo Igrejas (de Projetos), José Najib (de Planejamento e Desenvolvimento Regional) e Francisco Arnóbio (de Administração).

Na ocasião, o governador elogiou a postura de Alessandro Teixeira, que, segundo ele, “abriu as portas” do ministério para que o Amazonas e a Suframa pudessem ser ouvidos. Omar Aziz também destacou a celeridade que o Mdic passou a dar, a partir deste ano, na aprovação de Processos Produtivos Básicos (PPBs) para a Zona Franca de Manaus.

“Avançamos muito nos últimos meses em relação à celeridade para que pudéssemos aprovar novos projetos. Nesses dois primeiros meses, aprovamos 20 PPBs novos para a Zona Franca de Manaus, enquanto que em 2011, durante o ano todo, foram aprovados 50”, observou. Entre os novos PPBs aprovados está o de produção do energético Red Bull, cuja implantação da planta industrial foi aprovada na reunião do CAS. Estão previstos 79 empregos diretos, mas a expectativa é que a empresa possa adensar a sua cadeia produtiva no PIM futuramente. O investimento fixo previsto é de US$ 111 milhões.

Segundo o governador, houve sinalização para encontrar soluções a outras questões que ameaçam a produção e a competitividade no PIM, a exemplo da importação de motonetas de até 100cc que prejudica o polo de duas rodas da ZFM. Segundo o governador, em 2010 entraram no país 90 mil unidades enquanto em 2011 a quantidade foi para 190 mil.

A medida sugerida pelo Governo do Amazonas e pela Suframa e que será estudada pelo Governo Federal é aumentar de 15% para 35% o Imposto Sobre Produto Industrializado (IPI), o que garantiria a competitividade das motocicletas produzidas no PIM. “É uma série de problemas que enfrentamos diariamente que são pontuais, mas que afetam a produção dos setores”, disse o governador.

Entre outros compromissos assumidos por Alessandro Teixeira está o estudo de uma medida para garantir a competitividade da sacaria de juta produzida no Amazonas e que hoje enfrenta a concorrência pesada dos produtos indianos. Falou-se também na aplicação de recursos da Suframa para fortalecer o Centro de Biotecnologia da Amazônia (CBA). “A alternativa para que a gente possa manter a floresta em pé está no conhecimento dessa floresta e é mais do que natural que a gente invista no CBA”, defendeu o governador.
 

NULL

+ Manaus

Para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do Portal do Holanda estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral.

Copyright © 2006-2020 Portal do Holanda.