Juiz acusa desembargador de fraudar sistema de distribuição processual no Amazonas

Por

21/08/2012 7h51 — em Amazonas

O juiz o trabalho, Adilson Maciel Dantas,  protocolizou denúncia no Ministério Público Federal contra o desembargador e vice-preidente do Tribunal Regional do Trabalho da 11 ª Região, desembargador Antônio Carlos Marinho Bezerra, que teria julgado Mandado de Segurança  quando estava no Panamá, em 2011. Marinho teria viajado, segundo a denúncia, sem autorizaçao do tribunal.

O juiz também encaminhou pedido de abertura de Procedimento Disciplinar contra o desembargador ao Conselho Nacional de Justiça. O magistrado, que anexa à denúncia oficio da Policia Federal, informando que  Marinho deixou o Pais em 02/03 de 2011 e só retornou em 13/03, período no qual foram julgadas ações que tiveram a sua assinatura, acusa o desembargador de prevaricar e fraudar o sistema de distribuiçao processual da 2a instância.

NULL