Siga o Portal do Holanda

Amazonas

Falsa médica que usava CRM da filha do senador Eduardo Braga é presa

Publicado

em

Por

O episódio envolvendo falsa  médica que usava  o registro de Bruna Braga (foto), filha do senador Eduardo Braga, foi explicado  em nota pelo senador, que afirma que  Camila Aline da Silva Matias da Rocha e Fernando Henrique Guerreiro estão presos. Os dois  atendiam pacientes com os nomes e registros de Bruna  e Ariosvaldo Diniz Florentino. Ele atuava na Santa Casa de Sorocaba (SP) e Camila, nas unidades de Sorocaba e Piedade (SP).


 Nota à imprensa

"Em relação à denúncia de uso indevido do nome e registro no Conselho Regional de Medicina (CRM) da médica Bruna Braga, filha do senador Eduardo Braga (PMDB/AM), o parlamentar informa que todas as providências jurídicas cabíveis nesse caso foram tomadas. Bruna Braga registrou boletim de ocorrência na polícia de São Paulo e enviou cópia do documento ao CRM paulista. Um advogado foi contratado pela família para acompanhar o caso.


Os falsos médicos Fernando Henrique Guerreiro e Camila Aline da Silva Matias Rocha, que utilizava o nome e o registro de Bruna para exercer ilegalmente a profissão, já estão presos."

 

 

+ Amazonas

Para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do Portal do Holanda estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral.

Copyright © 2006-2020 Portal do Holanda.