Siga o Portal do Holanda

Artur mostra propostas no segundo debate da Band

Publicado

em

Por

No segundo debate entre seis dos nove candidatos a prefeito de Manaus, promovido pela TV Band Amazonas, na noite desta quinta-feira (23), o candidato da coligação “O Futuro é Agora”, Artur Virgílio Neto, apresentou várias de suas propostas e projetos para a cidade e encerrou sua participação, destacando que está “profundamente apaixonado” pela ideia de administrar Manaus.

 


Na primeira participação de Artur, dois assuntos polêmicos foram levantados: a Adin paulista contra os incentivos estaduais às indústrias locais e camelôs. Artur reafirmou sua ruptura política com o governador tucano Geraldo Alckmin por conta da guerra fiscal travada com o Amazonas.

“Se eu ainda fosse senador teria dado muito trabalho, defendendo os interesses do Amazonas”. Artur lembrou sua batalha durante os mandatos como deputado federal e senador da república, em defesa da Zona Franca de Manaus e, mesmo quando sem mandato, ter usado os espaços que conquistou na imprensa nacional para publicar artigos defendendo o modelo e se posicionando contra a guerra fiscal.

Em outro momento, respondendo aos ataques de Vanessa Grazziotin e Pauderney Avelino, Artur disse que é muito claro em sua posição sobre a guerra fiscal contra o Amazonas e que não deixa o PSDB por questões pessoais. “Eu travo uma batalha interna contra o grupo do governador Alckmin”.

Sobre os camelôs, Artur - que iniciou a propaganda eleitoral na quarta-feira pedindo desculpas à categoria por excessos cometidos enquanto prefeito de Manaus - reafirmou sua intenção de ordenar o Centro Histórico de Manaus, organizando os vendedores ambulantes em vários “camelódromos” no Centro e minishoppings nos bairros, além de criar o Banco Popular de Economia Social para conceder créditos a custo baixo para o capital de giro. “Assim eles podem comprar em maior quantidade e vender mais barato”, afirmou.

Ao falar de seus projetos para a saúde, Artur destacou que em sua administração as mulheres terão atenção especial.  “Teremos muita atenção à mulher. Queremos garantir a prevenção de câncer, do pré-natal até o nascimento. Vamos trabalhar a base da saúde preventiva”. Ele revelou ainda que irá criar campanhas de vacinação.  “Vamos enfrentar doenças que são do século passado, como a hanseníase e criar campanhas de vacinação contra a Hepatite B”. Artur disse ainda que na sua gestão as Unidades Básicas de Saúde da Família (UBSF) serão ampliadas para 325 unidades em todas as zonas da cidade.
Solidariedade com Amazonino

 

 

NULL

+

Para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do Portal do Holanda estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral.

Copyright © 2006-2020 Portal do Holanda.