Siga o Portal do Holanda

Cassado

Prefeito diz que vai lutar até o final para manter cargo no Amazonas

Publicado

em

Procuradores terão que optar entre as maçãs e a vovozinha


Manaus/AM - O prefeito de Presidente Figueiredo, Romeiro Mendonça, teve a sua cassação confirmada pelo Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas (TRE-AM) na última terça-feira (26) com determinação de seu afastamento imediato do cargo juntamente de seu vice. Em vídeo no Facebook, Romeiro declarou que vai lutar até o fim para se manter no cargo e deixando claro que irá recorrer ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE). 

A cassação dos mandatos se deu pela irregularidade no uso de recursos na campanha oriundos de pessoa jurídica (empresas) e sem origem identificada, algo considerado ilegal pela legislação eleitoral. Um total de 80% dos recursos da campanha teve essa origem ilegal. 

O julgamento da chapa vencedora nas eleições de 2016 em Presidente Figueiredo havia iniciado em setembro deste ano com a decisão pela cassação, mas estava com os efeitos suspensos devido a apresentação de embargos. 

Com a decisão do afastamento imediato na última terça-feira, o TRE deve determinar uma data para realização da eleição suplementar em Presidente Figueiredo. A legislação determina que na ausência do prefeito e vice-prefeito de um município quem assume o cargo de forma interina é o presidente da Câmara Municipal. 

Já leu estas ?

Para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do Portal do Holanda estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral.

Copyright © 2006-2019 Portal do Holanda.