Compartilhe este texto

Transporte de bomba da 2ª Guerra interdita 1.200 residências na Inglaterra

Por Folha de São Paulo

23/02/2024 10h30 — em
Mundo



SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - Mais de 1.200 residências no município de Plymouth, na Inglaterra, estão sendo evacuadas desde nesta quinta-feira (22) para que um comboio militar remova e transporte uma bomba da Segunda Guerra, encontrada no jardim de uma casa.

A bomba pesa 500 quilos e foi construída na Alemanha, pelo regime nazista. Ela foi descoberta na terça-feira (, em uma casa em Plymouth, no condado de Devon.

Especialistas em eliminação de bombas concluíram que o artefato causaria muitos danos se fosse detonado no local, podendo destruir várias residências. Por essa razão, autoridades de defesa do país optaram por transportá-la em um comboio militar, que exigiu um cordão de isolamento em torno de 1.200 propriedades. A apuração é do jornal britânico Daily Mail.

Estima-se que mais de 3 mil pessoas estão tendo que deixar suas casas para que a operação seja realizada. Um esquadrão de 25 recrutas da Marinha Real, além de soldados e outros residentes, uniram forças para transportar moradores retardatários em três grandes vans de remoção fornecidas pelo condado, na noite passada.

O transporte da bomba será feito nesta sexta-feira (23), por especialistas treinados em desmontagem de bombas, até o terminal de Torpoint Ferry. O objetivo é levar a arma para um lugar distante, e detoná-la no mar.

Várias escolas e creches estão sendo fechadas em Plymouth para permitir a realização da operação. As linhas de trem serão paralisadas e os serviços de balsa e ônibus serão suspensos ou desviados.

O homem que encontrou a bomba no quintal de sua filha teme que a propriedade seja prejudicada. Ele acredita que as seguradoras locais podem não pagar para cobrir os danos da retirada do objeto.

Ele descobriu a bomba graças ao trabalho de um empreiteiro, contratado para ampliar a residência da filha. O profissional escavava o quintal para instalar novas fundações quando encontrou o objeto.


Siga-nos no
O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

ASSUNTOS: Mundo

+ Mundo