Snapchat bloqueia conta de Trump permanentemente

Por Folha de São Paulo / Portal do Holanda

14/01/2021 8h36 — em Mundo

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O Snapchat vai encerrar, de modo permanente, a conta de Donald Trump a partir de 20 de janeiro, quando o presidente eleito dos Estados Unidos, Joe Biden, toma posse, anunciou a empresa nesta quarta-feira (13).

Segundo um comunicado, as falas do republicano violam as diretrizes da plataforma, que diz ter agido pelo "interesse da segurança pública".

"Com base em suas tentativas de espalhar desinformação, discurso de ódio e incitar a violência, tomamos a decisão de encerrar definitivamente sua conta", diz o texto.

Após a invasão do Congresso americano por apoiadores de Trump na semana passada, o Snapchat já havia anunciado uma suspensão indefinida da contra do presidente -e mesmo antes do episódio em Washington, a empresa já não exibia conteúdo da conta do presidente na seção "descobrir" da plataforma.

A decisão do Snapchat vem na esteira de outras grandes empresas de rede social, incluindo o Twitter, que baniu Trump permanentemente na última sexta (8), e o Facebook, que o impediu de postar em sua conta até, pelo menos, o dia de posse do governo democrata.

Mais cedo nesta quarta, a Câmara dos Representantes aprovou o processo de impeachment de Trump. A ação agora segue para o Senado.

+ Mundo