Compartilhe este texto

Líder trabalhista deve se tornar premiê da Austrália, indicam projeções

Por Folha de São Paulo / Portal do Holanda

21/05/2022 9h05 — em
Mundo



SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Com a divulgação dos primeiros resultados das eleições na Austrália, projeções da mídia local indicam que o líder do Partido Trabalhista, Anthony Albanese, deverá se tornar o próximo primeiro-ministro.

Caso as projeções se confirmem, o premiê Scott Morrison deverá fracassar em sua tentativa de conquistar um quarto mandato consecutivo para a Coalizão Liberal, de centro-direita.

Ainda não está claro se os trabalhistas, de centro-esquerda, obterão a maioria dos assentos no Parlamento ou se precisarão formar um governo de coalizão com partidos menores.

"[O Partido] Trabalhista está com 72 e precisa de 76 assentos para governar. Há 11 membros independentes, cuja maioria apoia ação contra as mudanças climáticas", disse o analista da emissora ABC Antony Green. "Se os trabalhistas não conseguirem maioria, podem conversar com o Partido Verde ou com os independentes".

Morrison, 54, está no poder desde 2018. As últimas pesquisas disponíveis antes da eleição indicavam uma disputa apertada.



O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

ASSUNTOS: Mundo

+ Mundo