Hungria anuncia 3ª dose de imunizante para vacinados há mais de quatro meses

Por Folha de São Paulo / Portal do Holanda

28/07/2021 11h06 — em Mundo

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O governo da Hungria anunciou nesta quarta-feira (28) uma terceira dose da vacina contra a Covid-19 para todos os que tiverem sido completamente vacinados a pelo menos quatro meses. O objetivo é reforçar a imunidade dos mais idosos e vulneráveis, principalmente com a disseminação da variante delta —mais contagiosa— no continente europeu.

Embora ainda não haja evidências científicas suficientes para avaliar se o custo de uma vacinação de reforço compensa os benefícios, alguns pesquisadores têm apontado para uma queda no número de anticorpos após a vacinação a partir da terceira semana.

Após quatro meses da vacinação total, o número de anticorpos varia entre um quinto e a metade dos encontrados pouco depois da imunização.

A Hungria também começa na próxima semana uma campanha em que estudantes universitários das áreas de saúde vão visitar cidadãos com mais de 60 anos para tentar convencê-los a se vacinar. Alunos a parir do quinto ano poderão aplicar eles mesmos a injeção.

Até esta quarta, a Hungria registra 809 mil casos e 30 mil mortes por coronavírus, segundo dados compilados pela Universidade Johns Hopkins. No país, 58,3% da população recebeu ao menos uma dose da vacina, e 55,96% estão completamente vacinados.


O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

+ Mundo