Compartilhe este texto

Bush comete ato falho e troca países ao falar em 'invasão injustificada'

Por Folha de São Paulo / Portal do Holanda

19/05/2022 19h06 — em
Mundo



SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O ex-presidente dos EUA George W. Bush cometeu uma gafe nesta quarta-feira (18) ao confundir a invasão russa da Ucrânia com a Guerra do Iraque, iniciada em 2003 justamente sob seu governo.

"A decisão de um homem de lançar uma invasão totalmente injustificada e brutal do Iraque. Quero dizer, da Ucrânia", disse Bush durante evento em Dallas, no Texas. Após um breve silêncio, com um leve sorriso, completou: "Do Iraque também". "Enfim, tenho 75 [anos]", afirmou, arrancando risadas da plateia.

Bush ordenou a invasão sob o argumento de que o Iraque tinha armas de destruição em massa, o que nunca foi comprovado. A guerra durou oito anos, até a saída, em 2011, das últimas tropas de combate.

O americano também comparou o presidente da Ucrânia, Volodimir Zelenski, a Winston Churchill (1874-1965), primeiro-ministro que liderou o Reino Unido durante a Segunda Guerra Mundial (1939-1945).

As declarações de Bush rapidamente viralizaram nas redes sociais, acumulando mais de três milhões de visualizações só no Twitter após um repórter do jornal Dallas News compartilhar o trecho do discurso.

Se a plateia de Bush riu do gafe do republicano, críticos da invasão americana, por outro lado, não interpretaram as declarações positivamente. Na imprensa árabe, a emissora Al Jazeera reiterou as palavras do diretor de mídia europeu da Human Rights Watch, Andrew Stroehlein, e chamou o episódio de "deslize freudiano" –em referência às teses do psiquiatra Sigmund Freud sobre o inconsciente humano.

Na mesma linha, o jornalista iraquiano Omar al-Janabi escreveu no Twitter que "o espectro da invasão e destruição do Iraque assombra Bush". "Seu subconsciente o expôs quando tomou conta de sua língua", acrescentou. Autoridades do país, porém, não se manifestaram publicamente sobre as declarações do ex-presidente americano.

Nesta quarta-feira, no 84º dia da guerra na Ucrânia, a Rússia anunciou a expulsão de 85 diplomatas franceses, espanhóis e italianos do país, na mais recente retaliação a países europeus que ordenaram a saída de funcionários russos. No front de batalha, forças ucranianas continuam freando o avanço russo na região de Kharkiv, enquanto o Kremlin consolidou a tomada de Mariupol.



O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

ASSUNTOS: Mundo

+ Mundo