Siga o Portal do Holanda

Saúde e Bem-estar

Mulheres têm cérebros mais ativos do que homens

Publicado

em

Foto: Reprodução Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Recentemente foi feito o maior estudo de imagem funcional cerebral comparando 46.034 imagens cerebrais quantificando as diferenças entre os cérebros masculinos e femininos. O estudo foi publicado no Journal of Alzheimer’s Disease. Os cérebros de mulheres no estudo foram significativamente mais ativos em muito mais áreas do cérebro do que nos homens, especialmente no córtex pré-frontal, envolvido com foco e controle impulsivo e, nas áreas límbicas ou emocionais, envolvidas com humor e ansiedade. Os centros visuais e de coordenação no cérebro foram mais ativos em homens.

Entender essas diferenças é importante porque desordens cerebrais afetam homens e mulheres de maneiras diferentes. Mulheres têm taxas significativamente mais altas de Alzheimer, depressão, enquanto homens têm taxas mais altas de ADHD, problemas de conduta e, encarceramento. Os resultados do estudo do fluxo sanguíneo aumentado no córtex pré-frontal de mulheres comparado ao de homens pode explicar porque elas tendem a exibir maiores expressões nas áreas de empatia, intuição, colaboração, auto-controle e preocupação apropriada. O estudo também mostrou que o fluxo sanguíneo aumentado nas áreas cerebrais límbicas em mulheres, pode também explicar em parte porque elas são mais vulneráveis à ansiedade, depressão, insônia e transtornos alimentares.

Referência:

https://www.sciencedaily.com/releases/2017/08/170807120521.htm

 

Servidores do Amazonas reagem a 'mordida' de salários pelo governo

Para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do Portal do Holanda estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral.

Copyright © 2006-2019 Portal do Holanda.