Vereador sugere que recurso de R$ 31 milhões seja repassado à Prefeitura de Manaus

Por Portal do Holanda

14/09/2021 11h06 — em Manaus

Foto: Reprodução

O vereador Rodrigo Guedes (PSC) sugeriu ao presidente da Câmara Municipal de Manaus (CMM), David Reis (Avante), que repasse o valor de quase 32 milhões de reais, que seriam usados para construção de um prédio anexo a Câmara Municipal de Manaus. (CMM), para outros fins que beneficiem a população, como o pagamento de indenizações aos ex-servidores da Casa ou do Auxílio Manauara, que é um benefício público municipal de transferência de renda no valor de R$200,00, que beneficia 40 mil famílias em situação de vulnerabilidade social na cidade de Manaus.

A presidência da CMM admitiu que a obra seria importante para realocar gabinetes de vereadores. O Edital de Concorrência nº 001/2021, que prevê o processo licitatório para a obra tornou-se público e por conta disso, recebeu critica de alguns vereadores. O valor para a construção do prédio anexo é de R$ 31.979.575,63, e foi anunciado pelo presidente da casa, David, Reis. Alguns vereadores criticaram a construção, por conta do município estar se recuperando da pandemia do novo coronavírus e que não deveria gastar valores altos no momento. O vereador Rodrigo Guedes disse que a população manauara precisa de investimentos importantes, principalmente por conta da pandemia, e a construção do prédio não é uma prioridade neste momento. Guedes afirmou que sua postura, apesar de ser contrária à maioria da Casa, é digna e legal.

“Não entendo porque esse tipo de manifestação é considerada no sentido de diminuir uma posição que é própria do parlamentar. Não estou diminuindo a importância de ninguém, isso é democracia”, disse o vereador durante a sessão plenária, após ter acesso ao Edital de Concorrência nº 001/2021, que prevê o processo licitatório para a obra. Lógico que está dentro da Lei, nós sabemos disso, mas nada impede que esse recurso seja devolvido à Prefeitura de Manaus. Eu tenho certeza, mais do que absoluta, que se nós consultarmos, 100% da população é contrária à essa construção. Muito melhor se esse recurso fosse investido em Educação, Saúde, pagamento de auxílio emergencial. Temos inclusive uma feira, em frente à Câmara, abandonada. Para algo que não é uma necessidade da população”, disse o vereador.


O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

+ Manaus