Veja tudo o que se sabe sobre a morte do genro do dono do Hospital Santa Júlia

Por Portal do Holanda

02/09/2021 8h04 — em Manaus

Foto: Reprodução Instagram / Pedro Braga Jr.

Manaus/AM - A morte de Lucas Ramon Silva Guimarães, de 29 anos, genro do dono do Hospital Santa Júlia ainda é cercada de mistério. O jovem foi executado dentro da própria cafeteria, o Mizes Café, na noite dessa quarta-feira (1º), no bairro Praça 14.

O que se sabe até agora sobre o crime é que Lucas estava dentro do estabelecimento quando o assassino chegou em uma motocicleta, entrou no local e efetuou três tiros na cabeça do empresário, que morreu no local. Também há informações de que o criminoso se passou por cliente e matou Lucas quando foi entregar o lanche.

Lucas era sargento do Exército e inaugurou a cafeteria há 2 meses. Nada foi levado do local, o que indica execução. O caso está sendo investigado pela Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS).

O empresário deixa um filho e a esposa, a médica Elza Gonçalves que está grávida de 3 meses. Recentemente o casal fez o chá revelação para saber o sexo do bebê.

Elza é filha de Édson Sarkis, dono da rede de hospitais Santa Júlia.
 


O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

+ Manaus