Pessoas de 55 a 59 anos com comorbidades começam a ser vacinadas em Manaus

Por Portal do Holanda

12/04/2021 6h48 — em Manaus

Saiba onde ir - Foto: Divulgação Semcom

 

Manaus/AM - Inicia nesta segunda-feira (12), a etapa de vacinação contra a covid-19, de pessoas de 55 a 59 anos que são portadores de outras comorbidades. O processo ocorre em ordem decrescente de idade, iniciando com os de 59, na segunda, e finalizando com os de 55, na sexta-feira, 16.

A lista de comorbidade inclui anemia falciforme, doença cerebrovascular, hipertensão arterial (estágio 1 e 2 com lesões de órgão-alvo ou doenças associadas; estágio 3; e Resistente-HAR), pneumopatias graves crônicas, cirrose hepática, doença renal crônica e síndrome de Down. 

No grupo também estão incluídos os pacientes considerados imunossuprimidos (transplantados, pessoas vivendo com HIV, pessoas que usam imunossupressores ou com imunodeficiências primárias, doenças reumáticas sistêmicas em atividade e pacientes oncológicos com tratamento realizado nos últimos seis meses, entre outros).

Para saber o local e a hora em que deve receber a vacina, o usuário que se enquadra nos critérios de saúde e idade exigidos para a etapa atual deve acessar o Imuniza Manaus e escolher a opção “Consultar 1ª Dose”. 

O agendamento dos que realizaram o cadastro prévio foi feito para um dos sete pontos de vacinação da Semsa, distribuídos nas quatro zonas geográficas da cidade. A distribuição da agenda levou em conta o local de moradia informado e a capacidade de atendimento de cada um dos pontos. Os que não puderam realizar o cadastro no Imuniza podem se dirigir, no dia de atendimento da sua idade, ao ponto de vacinação mais próximo.

A vacinação será realizada com a comprovação de idade e comorbidades. Por isso é obrigatória a apresentação de documento de identidade original com foto, CPF e laudo médico (original e cópia). Os hipertensos que não tiverem laudo, podem apresentar receita médica em papel oficial do Sistema Único de Saúde (SUS) ou da rede privada de saúde, com nome e carimbo do médico que faz a prescrição (original e cópia). 

Para os imunossuprimidos, no caso específico das pessoas vivendo com HIV, são válidos os seguintes comprovantes: cartão de identificação emitido pelo serviço de saúde onde o usuário faz acompanhamento médico; declaração do Sistema de Controle Logístico de Medicamentos (Siclon); ou resultado de exames específicos (Carga Viral ou CD4), também em original e cópia.

Ao longo da semana serão vacinadas mais de 10 mil pessoas de 55 a 59 da nova faixa de comorbidades, considerando a quantidade de cadastros feitos no Imuniza Manaus. Além desses, quem já poderia ter se vacinado e, por algum motivo, não compareceu ao posto de vacinação, pode verificar seu reagendamento no sistema ou ir diretamente a um dos sete pontos de vacinação.

Pontos de vacinação com funcionamento das 9h às 16h: 

Zona Norte

Centro Estadual de Convivência da Família Padre Pedro Vignola

Rua Gandu, 119, Cidade Nova

 

Zona Sul e Centro-Sul

Centro Cultural dos Povos da Amazônia

Avenida Silves, 2.222, Crespo

 

Universidade Paulista (Unip)

Avenida Mário Ypiranga Monteiro, 3.490, Parque 10 de Novembro.

 

Universidade Nilton Lins

Avenida Professor Nilton Lins, 3.259, Flores

 

Zona Leste

Clube do Trabalhador do Sesi/AM

Avenida Cosme Ferreira, 7.399, São José

 

Zona Oeste

Balneário do Sesc/AM

Avenida Constantinopla, 288, conjunto Campos Elíseos, Planalto

Centro de Convenções de Manaus (sambódromo)

Avenida Pedro Teixeira, 2.565, Dom Pedro

 

 

 

 

 


O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

+ Manaus