.
Siga o Portal do Holanda

Mundo

Desavenças sobre resposta à pandemia derrubam governo do Kosovo

Publicado

em

Sociedade precisa reagir à censura na internet


SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O Kosovo se tornou o primeiro país a derrubar um governo por causa da atual pandemia de coronavírus.

Na noite de quarta (25), o Parlamento local aprovou uma moção de desconfiança contra o premiê Albin Kurti por discordar do modo como ele conduziu o país na crise do vírus.

A votação ocorreu após a coalizão de centro-esquerda que dava apoio ao premiê, no cargo há menos de dois meses, rachar.

Kurti vinha sendo alvo de panelaços diários e se recusava a declarar estado de emergência no país, medida que era exigida pela Liga Democrática do Kosovo (LDK), um dos partidos da coalizão governista.

Além disso, o primeiro-ministro também era pressionado a diminuir as tarifas que o país impõe para transações com a vizinha Sérvia —que nunca reconheceu a independência kosovar, declarada em 2008.

Com isso, a LDK deixou a coalizão do premiê, que foi derrotado com 82 votos contrários e apenas 32 a favor.

Apesar disso, Kurti vai continuar no cargo de maneira interina até um novo primeiro-ministro ser escolhido.

Ninguém sabe, porém, quando isso irá acontecer, já que nenhum partido parece capaz de formar uma coalizão que consiga ter maioria na Casa. A convocação de novas eleições, a saída natural para o impasse, também está descartada por causa da pandemia.

O Kosovo tem 86 casos confirmados de coronavírus e uma morte.

Já leu estas ?

Para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do Portal do Holanda estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral.

Copyright © 2006-2019 Portal do Holanda.