Siga o Portal do Holanda

Ficaram desfigurados

Polícia revela detalhes da morte de influencer e namorado executados com mais de 70 tiros

Publicado

em

Foto: Divulgação Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Wilson Lima e a solidão do Poder


Setenta e nove foi o número de tiros que matou Adair Brizola da Silva, 31, e namorada dele, a influenciar Caruel Quendi da Silva Barbosa, 25, na cidade de Araricá, nas proximidades de Porto Alegre, no Rio Grande do Sul.

O casal de namorados estava jogando videogame na casa de Adair, quando criminosos invadiram o condomínio e os executaram com tiros de pistolas calibre 40 e 9 mm, espingardas e até um fuzil 556. A maioria dos disparos atingiram os rostos das vítimas.

Para a polícia, o crime se trata claramente de execução e foi minuciosamente planejado e executado. Adair já tinha passagem pela polícia por porte ilegal de arma de fogo, mas Caruel, pode ter morrido segundo o delegado “por estar no lugar errado, na hora errada”.

Ela não tinha ficha criminal. O duplo homicídio chocou a pequena cidade e deixou as duas famílias dos jovens devastadas.

A polícia investiga a autoria do crime e revela que os assassinos fizeram questão de levar o celular de Brizola.Uma das linhas de apuração investiga a relação do crime com o tráfico de drogas, mas outras não foram descartadas.




Já leu estas ?

Para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do Portal do Holanda estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral.

Copyright © 2006-2019 Portal do Holanda.