Justiça proíbe Antonia Fontenelle a falar sobre Luciana Gimenez

Por Portal do Holanda

12/05/2021 19h36 — em Famosos & TV

Foto: Reprodução/Instagram

A Justiça de São Paulo concedeu uma liminar com tutela provisória de urgência proibindo Antonia Fontenelle de tocar no nome de Luciana Gimenez. Caso descumpra a decisão, a ré deve pagar uma multa de R$ 20 mil para cada menção que fizer a Luciana.

A briga judicial entre a apresentadora e a influenciadora digital também envolve o senador Jorge Kajuru, e teve início após ela ser chamada de “mulher de programa” pelo político em entrevista ao canal de Antonia Fontenelle no YouTube. 

"Sobre a Luciana Gimenez, eu não tenho nada a falar. Não falo sobre mulher de programa. Dane-se. Ela já me processou, pode processar de novo. É uma mulher desqualificada, tanto que virou o que virou por 30 segundos com o Mick Jagger. Ou você acha que foi por amor?”, disse na ocasião. 

"E ela sabe que eu sei da história toda. Ela foi contratada para ficar com o Mick Jagger. Eu falei isso mesmo, porque para mim ela não tinha respeito com os colegas. Eu trabalhei com ela na RedeTV!. Ela chegava como se fosse dona. Depois acabou se casando com um dos sócios da RedeTV!, para você ver que a vida dela sempre foi de interesse", seguiu.

Em abril, Gimenez já havia conseguido uma liminar proibido Kajuru de se “manifestar, comentar ou divulgar” provocações e ataques sobre Luciana. 

A apresentadora entrou com ações de danos morais contra Kajuru e Antonia, por ter sido ofendida publicamente. Os advogados de Luciana também foram ao Supremo Tribunal Federal contra o senador, por difamação e injúria. 

No caso de Antonia, Luciana Gimenez afirma que já não era a primeira vez que foi alvo de difamação de Kajuru em um programa da ex-mulher de Marcos Paulo, a qual acusa ainda de “cutucar” o político para falar sobre ela. 

Em 2019, Kajuru também falou sobre o relacionamento de Luciana com Mick Jagger. "Ela conseguiu em 30 segundos uma aposentadoria de US$ 30 mil para o resto da vida com o Mick Jagger. Então, realmente, para falar de aposentadoria ela é especial, agora credibilidade zero",  disse na época. 


O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

+ Famosos & TV