Compartilhe este texto

Herdeiros de Pablo Picasso venderão obras do artista no mercado de NFTs

Por Folha de São Paulo / Portal do Holanda

27/01/2022 13h06 — em
Famosos & TV



SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Herdeiros de Pablo Picasso pretendem pôr obras do pintor no mercado de NFTs, sigla para tokens não fungíveis. Em entrevista ao portal americano ABC News, Marina e Florian Picasso, neta e bisneto do pintor espanhol, nesta ordem, afirmaram que inicialmente venderão apenas a versão digital de um vaso de cerâmica datado de outubro de 1958.

"Essa obra representa um rosto, que é muito expressivo", disse Marina. "Está contente, feliz. Representa a vida... É um daqueles objetos que fizeram parte de nossa vida, de nossas vidas íntimas -da minha e de meus filhos."

A decisão marca a entrada oficial do primeiro grande artista mundialmente reconhecido no mercado digital de obras de arte, que já movimenta mais de US$ 2 bilhões, ou R$ 10,4 bilhões, segundo o site NonFungible, que monitora o setor. "Estamos tentando construir uma ponte entre o mundo dos NFTs e o da arte nobre", afirmou Florian.

Esta não é, porém, a primeira vez que um trabalho do pintor espanhol é comercializado no formato. Em julho do ano passado, um coletivo de artistas anônimos nos Estados Unidos autointitulado Fractal Studios queimou uma gravura do artista no mundo real para eternizá-la no digital.

Chamado de "The Burned Picasso", ou o Picasso queimado, o projeto incluiu um vídeo em que a obra era incendiada por uma espécie de lança-chamas acoplado a um botijão.

Segundo Cyril Noterman, empresário próximo da família de Picasso, a Sotheby's fará um leilão em março que incluirá tanto o vaso de cerâmica físico quanto o seu NFT.

No entanto, Matthew Flori, porta-voz da Sotheby's, refutou a informação em nota à reportagem da ABC News.

Questionado sobre a aproximação da obra do bisavô com a realidade digital, Florian afirmou que a decisão de vender NFTs da obra do bisavô era um jeito de homegear seu jeito de trabalhar, "que sempre foi pela criatividade".

Uma parcela dos rendimentos da venda será doada -parte para um órgão de caridade que auxilia enfermeiros, e outra para uma ONG que combate a emissão de carbono na atmosfera. Os NFTs também virão acompanhados por uma música de Florian, que é DJ e produtor, composta em parceria com John Legend e o rapper Nas.


O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

ASSUNTOS: Famosos & TV

+ Famosos & TV