Uefa veta cores do arco-íris em iluminação de estádio da Eurocopa

Por Folha de São Paulo / Portal do Holanda

22/06/2021 12h35 — em Esportes

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A cidade de Munique teve a ideia de iluminar a Allianz Arena, principal estádio local e usado pelo Bayern, com as cores do arco-íris na partida desta quarta-feira (23), entre Alemanha e Hungria, pela Eurocopa.

A Uefa vetou a iniciativa, que seria uma referência às cores do movimento LGBTQ+, por considerá-la um ato político.

"De acordo com seus estatutos, a Uefa é uma organização politicamente e religiosamente neutra. Dado o contexto político, a Uefa rejeitou o pedido", disse a entidade, em nota.

A iluminação seria um protesto da Prefeitura de Munique contra lei aprovada pelo parlamento da Hungria que restringe os direitos de jovens do país receberem informações sobre homossexualidade.

Segundo a Uefa, é possível ainda iluminar o estádio com as cores do arco-íris, mas em outras datas.

Na semana passada, a organização chegou a abrir investigação sobre o uso de braçadeira de capitão pelo goleiro alemão Manuel Neuer com homenagem ao movimento LGBTQ+. Logo depois, desistiu de qualquer punição ao reconhecer que se trava de uma "boa causa".

A Federação Alemã já havia concordado com a iluminação do estádio. A proibição da Uefa foi comemorada pelo ministro húngaro das Relações Exteriores, Peter Szijjarto. Segundo ele, prevaleceu "o bom senso".

Em janeiro deste ano, o Allianz Parque já havia tomado a mesma iniciativa, mas para um jogo entre Bayern de Munique e Hoffenheim, pelo Campeonato Alemão.

.


O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

+ Esportes