Palmeiras goleia Bolívar e se classifica às oitavas da Libertadores

Por Folha de São Paulo / Portal do Holanda

30/09/2020 21h04 — em Esportes

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O Palmeiras teve mais dificuldade do que esperava e chegou a sofrer no primeiro tempo, mas acabou se impondo sobre o Bolívar, na noite de quarta-feira (30), no Allianz Parque. A equipe alviverde venceu por 5 a 0 e assegurou sua classificação às oitavas de final da Copa Libertadores.

Com vaga antecipada no mata-mata, o time de Vanderlei Luxemburgo ainda tem chance de construir a melhor campanha na fase de grupos da competição. Até aqui, apesar das críticas ao futebol apresentado, está ao alcance a liderança geral do torneio.

Com quatro vitórias e um empate nas cinco rodadas iniciais, o Palmeiras vai fechar sua campanha no Grupo B no dia 21 de outubro, em mais um jogo no Allianz Parque, contra o Tigre (ARG). Novo triunfo poderá assegurar o primeiro lugar do campeonato, o que permitirá decidir em casa nos confrontos eliminatórios da próxima fase.

Diante do Bolívar, Willian marcou logo no começo, mas a etapa inicial foi complicada, com chances claras para os visitantes buscarem o empate. No segundo tempo, no entanto, o atual campeão paulista finalmente impôs sua superioridade técnica e construiu uma goleada, com bolas colocadas na rede por Wesley, Viña, Raphael Veiga e, enfim, Rony.

Luxemburgo apostou em pontas dos dois lados e logo colheu frutos dessa escolha. Aos quatro minutos, o ponta-direita Rony cruzou rasteiro para um chute ruim do ponta-esquerda Wesley. Willian, escalado no comando do ataque, esticou-se para corrigir o erro do companheiro.

Na sequência, porém, o Bolívar cresceu e começou a fazer Weverton trabalhar. Os bolivianos estiveram perto de igualar o marcador algumas vezes, porém acabaram gastando todos os seus cartuchos até o intervalo. Após a pausa, não impuseram resistência.

Aos dois minutos da etapa final, Wesley invadiu a área e acertou o ângulo. Aos 14, Viña ficou com sobra na área para ampliar. Em seguida, aos 16, foi a vez de Viña dar um passe preciso para Raphael Veiga marcar. Aos 19, Rony cabeceou para a rede e finalmente marcou pela primeira vez com a camisa do Palmeiras.

PALMEIRAS

Weverton; Marcos Rocha (Gabriel Menino), Felipe Melo (Luan), Gustavo Gómez (Vitor Hugo) e Viña; Patrick de Paula, Bruno Henrique (Ramires) e Raphael Veiga; Wesley, Rony e Willian. T.: Vanderlei Luxemburgo

BOLÍVAR

Rojas; Bejarano (Quinteros), Jusino, Haquín e Fernández; Saavedra, Oviedo (Machado), Anderson Cruz (Cataldi), Rey (Vaca) e Arce; Riquelme. T.: Claudio Vivas

Estádio: Allianz Parque, em São Paulo (SP)

Árbitro: Leodán González (URU)

Assistentes: Nicolas Taran e Richard Trinidad (ambos do URU)

Cartões amarelos: Gustavo Gómez e Weverton (PAL); Fernández (BOL)

GOLS: Willian (PAL), aos 4min do 1ºT; Wesley (PAL), aos 2min, Viña (PAL), aos 14min, Raphael Veiga (PAL), aos 16min, e Rony (PAL), aos 19min do 2ºT