Compartilhe este texto

Nova série mostra o 'Messi que não conhecemos' durante a Copa do Mundo

Por Folha de São Paulo

20/02/2024 11h01 — em
Esportes



MIAMI, EUA (UOL/FOLHAPRESS) - Talento e habilidade com o futebol são predicados que o mundo inteiro conhece quando falamos de Lionel Messi. Já a sensibilidade e resiliência são sentimentos que poucos conseguem alcançar no craque introspectivo. Na nova série "A Copa do Mundo de Messi - A Ascensão da Lenda" (Messis World Cup: The Rise of a Legend), o argentino abre o coração e detalha tudo o que passou antes, durante e depois da famigerada conquista da Copa do Mundo de 2022.

A produção documental de quatro episódios vai ar no streaming Apple TV+ nesta quarta-feira (21) (21). A reportagem conversou com os produtores executivos da série Jenna Millman e Juan Camilo Cruz Orrego, e ambos revelaram um "Messi que não conhecemos".

"O Leo é uma pessoa que não precisa falar muito para significar muito, entende? Nesta série, você vai vê-lo falando, vai ouvir a voz dele, e vai notar um Leo que provavelmente não é comum de se ver. Ao mesmo tempo, você vai ver como é possível estabelecer uma conexão profunda apenas pelo silêncio dele. Isso é uma das coisas mais interessantes quando falamos de Messi", disse Juan Camilo.

A produção retrata diversos momentos da vida de Messi, inclusive a infância dedicada ao futebol. Os episódios mostram os altos e baixos do craque com a camisa da Argentina e como ele reagiu às inúmeras críticas de torcedores compatriotas até, finalmente, alcançar a glória e levar a taça da Copa do Mundo em sua participação no Qatar.

A introspecção de Messi ao comentar da própria trajetória está presente na série, mas isso não impede o craque de se abrir e expor as próprias emoções.

"Além de acompanhar toda a delegação no Mundial, nós fomos a fundo o suficiente para ter duas entrevistas muito longas e profundas com ele. Fomos capazes de ouvi-lo e entender, na primeira entrevista, as expectativas para a Copa do Mundo, e, no fim, compreender a reflexão sobre tudo o que Messi tinha passado, o que nos dá um acesso inevitável à sua mente, ao seu coração, às suas emoções", detalhou Jenna Millman.

UM CAMPEÃO

Durante a Copa do Mundo, a seleção da Argentina passou por altos e baixos, retratados muito bem pela série. Segundo os produtores, em todos os momentos mais complicados, Messi manteve uma postura serena, que passou confiança ao elenco que estava com a gana de conquistar a taça especialmente para o ídolo.

"Ele se comportou como um campeão, sabe? Eles foram à Copa com uma invencibilidade histórica e perder para a Arábia Saudita ainda na fase de grupos foi muito complicado. Mas eles tomaram isso como uma aula e, ao invés de baixar a cabeça, Messi puxou uma nova energia e ganhou mais poder. Eles passaram a entender cada jogo como se fosse uma final", comentou Juan.

"Leo foi a pessoa que levou o time para um lugar onde não tinham opções para desistir. Se há algo importante durante toda essa caminhada deles, é que você nunca deve desistir", afirmou o produtor executivo.

O QUE MAIS MARCOU

Messi é uma pessoa avessa a grandes entrevistas e, então, a reportagem perguntou aos produtores executivos qual o momento mais marcante para cada um deles. Jenna e Juan tiveram sensações diferentes à convivência com a estrela mundial.

"Meu momento favorito é depois que eles vencem a Copa. Depois de tudo ter acabado. Eu vi um Leo renovado e muito diferente em um momento de reflexão. É algo especial que certamente acho que ninguém viu antes", relatou Jenna, que destacou o último episódio da série.

"Eu diria que, para mim, foi o primeiro momento que estive com ele. Foi muito especial. Lionel Scaloni, o técnico da Argentina, disse em uma entrevista que Leo é uma pessoa que você vai notar cada vez que ele entrar em qualquer lugar. No campo, os rivais ficam assustados, os companheiros de time ficam cheios de energia. Eu posso dizer que foi exatamente assim que eu senti quando o conheci em Paris pela primeira vez. É um cara que ilumina o lugar de uma forma que é impossível de explicar", destacou Juan.


Siga-nos no
O Portal do Holanda foi fundado em 14 de novembro de 2005. Primeiramente com uma coluna, que levou o nome de seu fundador, o jornalista Raimundo de Holanda. Depois passou para Blog do Holanda e por último Portal do Holanda. Foi um dos primeiros sítios de internet no Estado do Amazonas. É auditado pelo IVC e ComScore.

ASSUNTOS: Esportes

+ Esportes